Economia

FMI receberá ministro argentino em meados de março em Washington

Crédito: Divulgação - Petrobras

O pagamento seja realizado no dia 29 de abril, com valores atualizados pela variação da Selic de 31 de dezembro de 2020 até a data do pagamento (Crédito: Divulgação - Petrobras)

O Fundo Monetário Internacional (FMI) informou nesta quinta-feira (25) que receberá uma missão chefiada pelo ministro da Economia da Argentina, Martín Guzmán, em meados de março, em Washington, para continuar com as negociações de um plano creditício para o país.

“O ministro Guzmán e sua equipe informaram que vão viajar a Washington em meados de março”, informou a jornalistas durante coletiva de imprensa virtual o porta-voz do FMI, Gerry Rice.

Enquanto isso, Rice informou que não tem uma data precisa para uma missão do organismo dedicada ao plano para a Argentina, um trabalho que será celebrado de forma virtual por causa da pandemia.

A Argentina enfrenta uma dura crise após uma recessão iniciada em 2018 e este ano o PIB voltará a crescer, com expansão da economia de 4,5%, segundo previsões do FMI.

Em meio a uma crise monetária, o governo de Mauricio Macri recorreu ao Fundo para obter um acordo Stand-By (sujeito a condições) a 36 meses de 57 bilhões de dólares, uma cifra recorde para o organismo multilateral.

Do total, o país recebeu US$ 44 bilhões, antes de o sucessor de Macri, Alberto Fernández, renunciar ao restante do empréstimo.

O governo Fernández está tentando reestruturar os pagamentos pelo empréstimo stand by.

Veja também

+ Carreira da Década - Veja como ingressar na carreira que faltam profissionais, mas sobram vagas
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel