Economia

Fim da fábrica da Ford no ABC representa demissão de 2,8 mil, diz sindicato

O encerramento da fábrica da Ford em São Bernardo, que ocorrerá ao longo de 2019, representa a demissão de 2,8 mil trabalhadores, segundo estimativa do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC.

A Ford informou que estima despesas não recorrentes de US$ 460 milhões em razão da decisão anunciada nesta terça-feira, 19, de encerrar as atividades no ABC.

A fábrica é a mais antiga em operação da montadora no Brasil.

A montadora disse que a decisão faz parte de um esforço para voltar a lucrar na América do Sul. Em balanço referente ao ano passado, a Ford apresentou prejuízo de US$ 678 milhões na região.

A fábrica de São Bernardo era responsável pela produção de caminhões da montadora.

No Brasil, a marca ocupava a quarta posição no segmento, com 12% de participação em 2018, atrás de Mercedes-Benz, Volkswagen e Volvo.

Veja também

+ Funcionário do Burger King é morto por causa de demora em pedido

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020

+ Bolsonaro veta indenização a profissionais de saúde incapacitados pela covid-19

+ Nascidos em maio recebem a 4ª parcela do auxílio na quarta-feira (05)

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?