Economia

Fendt: entrevero entre EUA e China não nos prejudica em nada

O secretário especial de Comércio Exterior e Assuntos Internacionais do Ministério da Economia, Roberto Fendt, avaliou nesta terça-feira, 29, que a disputa comercial entre os Estados Unidos e a China não trouxe impactos para o Brasil no comércio global.

“O entrevero entre EUA e China tem mais origem nos EUA do que na China, e não nos prejudicou e nem prejudica em nada. O conflito entre esses dois países é de natureza tecnológica, o comércio não é o cerne da questão. Os EUA são relutantes em ceder uma fatia da hegemonia tecnológica para China ou seja quem for”, afirmou, na videoconferência “Os Grandes Desafios do Comércio Exterior Brasileiro”, organizada pelo Instituto Besc de Humanidades e Economia.

O secretário reafirmou que o Brasil não atua no comércio exterior de maneira ideológica como, segundo ele, ocorreu em governos passados. “O Brasil procura parceiros que produzam negócios bons para nós e para eles. Nesse sentido, temos interesses em fazer negócios com chineses e americanos”, enfatizou. “Comércio não tem ideologia, mas sim ganhos – de preferência para todos os lados. Queremos vender em bom volume e comprar de quem tem boa qualidade e preço”, completou.

Veja também

+ Grave acidente do “Cake Boss” é tema de reportagem especial

+ Ivete Sangalo salva menino de afogamento: “Foi tudo muito rápido”

+ Bandidos armados assaltam restaurante na zona norte do RJ
+ Mulher é empurrada para fora de ônibus após cuspir em homem
+ Caixa substitui pausa no financiamento imobiliário por redução de até 50% na parcela
+ Teve o auxílio emergencial negado? Siga 3 passos para contestar no Dataprev
+ iPhone 12: Apple anuncia quatro modelos com preço a partir de US$ 699 nos EUA
+ Veja mudanças após decisão do STF sobre IPVA
+ T-Cross ganha nova versão PCD; veja preço e fotos
+MasterChef: competidora lava louça durante prova do 12º episódio’
+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil
+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados
+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020
+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea
+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?