Negócios

Farmacêutica Roche vai fechar fábrica no Brasil

Segundo a empresa, as atividades na unidade produtiva devem acabar em quatro ou cinco anos

Crédito: Divulgação

Roche trabalha no desenvolvimento de vacinas (Crédito: Divulgação)


A fabricante suíça de de farmacêuticos Roche anunciou nesta terça-feira (26) que irá fechar sua fábrica no Brasil, que fica no bairro de Jacarepaguá, no Rio de Janeiro. Segundo a empresa, as atividades na unidade produtiva devem acabar em quatro ou cinco anos. A produção no local focava em medicamentos de baixa produtividade e alta demanda, e fornecia para a América Latina e Europa.

Em comunicado para a imprensa, a decisão está “em linha com sua estratégia global de inovação e com as transformações do seu portfólio de medicamentos”. A Roche também explicou que a fábrica estava pouco sustentável, uma vez que a produção do local era de remédios no fim de seus ciclo de vida e outros que já haviam sido descontinuados.

A subsidiária da Farmacêutica no País, a Roche Farma Brasil, reiterou que medicamentos de alta complexidade continuarão a ser importados no Brasil, e que este produtos são atualmente o foco da empresa – recentemente a companhia fez uma grande aquisição de uma empresa de terapia genética. A empresa porém, irá manter seu centro de distribuição em Goiás e seu centro administrativo em São Paulo.

No Brasil a companhia emprega 1.200 funcionários, sendo 440 deles na fábrica no Rio de Janeiro, que não devem ser demitidos neste ano, segundo comunicado assinado pelo presidente da divisão brasileira Patrick Eckert.