Geral

EUA: Trump lamenta ataque em sinagoga que deixou uma vítima fatal

Por Renato Carvalho

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, lamentou, por meio de sua conta no Twitter, o ataque a tiros a uma sinagoga na cidade de Poway, próxima a San Diego, na Califórnia. O atentado resultou na morte de uma mulher, e mais três feridos estão hospitalizados.

“Pensamentos e orações para todos os afetados pelo tiroteio na sinagoga em Poway, Califórnia. Deus abençoe todos vocês. O suspeito foi preso. As forças policiais ficaram um ótimo trabalho. Obrigado!”, escreveu Trump no Twitter.

Em um segundo post, Trump ressalta o trabalho de um agente de fronteira que deteve o atirador na sinagoga. “Ele estava de folga, mas seus talentos militares não!”. Segundo a polícia local, um jovem de 19 anos abriu fogo dentro da sinagoga, atingindo quatro pessoas. Todas foram levadas ao hospital, mas uma mulher não resistiu.

Contato: renato.carvalho@estadao.com