Giro

Coágulos: EUA resgistram morte e complicações após vacina da Johnson & Johnson

Crédito: Reprodução/Divulgação

No geral, seis mulheres com idades entre 18 e 48 anos desenvolveram uma forma rara de coagulação do sangue cerebral com plaquetas baixas. (Crédito: Reprodução/Divulgação)

Um paciente americano morreu de complicações de coagulação do sangue após receber a vacina contra a Covid-19 da Johnson & Johnson, enquanto outro está em estado crítico, disse um cientista da Food and Drug Administration nesta terça-feira (13).

+ Pessoas com menos de 60 anos não receberão segunda dose da AstraZeneca na Alemanha

No geral, seis mulheres com idades entre 18 e 48 anos desenvolveram uma forma rara de coagulação do sangue cerebral com plaquetas baixas entre seis e 13 dias após receber a injeção.

Peter Marks, diretor da FDA, traçou uma ligação com uma doença semelhante observada na Europa depois que as pessoas receberam a vacina AstraZeneca, que também é baseada na tecnologia de vetor de adenovírus. Acredita-se que a doença deriva de uma rara resposta imunológica às vacinas que desencadeia a ativação de coágulos.

Anne Schuchat, uma autoridade sênior dos Centros de Controle e Prevenção de Doenças, acrescentou que o risco era muito baixo para as pessoas que receberam a vacina há um mês ou mais. “Para as pessoas que recentemente tomaram a vacina nas últimas semanas, elas devem estar atentas para procurar quaisquer sintomas. Quem recebeu uma vacina e desenvolveu fortes dores de cabeça, dor abdominal, dor nas pernas ou falta de ar, você deve entrar em contato com seu médico”, acrescentou ela.

+ Jaguar Land Rover: a luta contra a falta de confiança dos consumidores

Veja também

+ Carreira da Década - Veja como ingressar na carreira que faltam profissionais, mas sobram vagas
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel