Esta aposta é melhor que a Mega-Sena da Virada

Esta aposta é melhor que a Mega-Sena da Virada para buscar fortuna; entenda

Crédito: Wikimedia Commons

O sonho de muita gente é enriquecer rapidamente com uma tacada de sorte. É por isso que a Mega-Sena da Virada, concurso que paga o maior prêmio das loterias no Brasil, causa tanto frenesi todo fim de ano. Mas será que essa é a melhor aposta para quem deseja tentar a sorte e buscar fortuna?

Como não é difícil deduzir, as chances de acertar a sequência milionária são muito pequenas. Entretanto, existe outro modo de almejar ficar rico arriscando pouco dinheiro, mas com maiores possibilidades de sucesso.

Há classe específica de criptomoedas que reúne as duas premissas que fazem qualquer apostador preencher sua cartela da Mega:

  • A possibilidade de ganhar milhões;
  • A necessidade de investir um valor pequeno para ter essa chance.

Diferentemente da loteria, essas criptomoedas também apresentam características que tornam muito mais provável que o investidor saia de fato milionário.

CONHEÇA AS CRIPTOMOEDAS QUE PODEM TE DEIXAR MILIONÁRIO EM 2022

Por que é mais fácil ficar milionário com criptomoedas do que ganhar na Mega da Virada?

Segundo as estatísticas oficiais da Caixa, as chances de um apostador acertar as seis dezenas do sorteio com uma aposta simples, que custa R$ 4,50, é de 1 em 50.063.860.

Mesmo para as apostas de 15 números, as mais caras, que custam R$ 22.522,50, a chance ainda é baixa, de 1 em 10.003.

Agora pensemos nas criptomoedas. Segundo a revista Você S/A, em julho estimava-se que existiam 5.536 criptoativos disponíveis no mercado. É claro que o número aumenta a cada dia, mas vamos usar esse dado para fins de comparação.

Ou seja, se tentássemos acertar qual a criptomoeda de maior valorização dentre todas as disponíveis, as chances seriam quase duas vezes maiores do que ganhar na Mega-Sena com um jogo caríssimo de 15 números. Se a comparação fosse feita com a aposta simples, as chances seriam aproximadamente 10 mil vezes maiores.


3 motivos para apostar em criptomoedas em vez de jogar na loteria

Além das chances matemáticas em si, existem outros três fatores que fazem a balança pender para o lado dos ativos digitais. Confira:

1) Só uma combinação sai vencedora na Mega-Sena

Só uma sequência de números é premiada em cada sorteio da  Mega-Sena. Para ganhar na Mega-Sena, o apostador precisa acertar ao menos quatro números da sequência única sorteada pela Caixa. Não há segunda chance: ou você é premiado ou perde tudo o que apostou.

Já para o investidor de criptomoedas, o leque de possibilidades é muito mais amplo. Observe o quadro abaixo, elaborado pela equipe de análise de criptoativos da Empiricus, com retornos de um grupo de criptomoedas  entre 1º de janeiro e 17 de novembro de 2021:


Como é possível observar, existem vários ativos que multiplicaram seu valor em centenas de vezes. No caso extremo da Cocos-BCX, a valorização foi de cerca de 3 mil vezes.

2)  Em criptomoedas, você não perde seu ativo

Mesmo que você, como investidor, não tenha a felicidade de captar lucros exponenciais com seus ativos digitais, eles seguem ali. Você pode, por exemplo:

  • Obter pequenos lucros;
  • Ficar no zero a zero e vender sua criptomoeda depois de um tempo;
  • Perder apenas uma parte do que investiu em casos de desvalorização, mas não tudo.

3) Cripto é menos sorte e mais fundamentos

O investimento em criptomoedas não é aleatório. Não é como se você tivesse 5.536 opções e apostasse em uma delas. Nesse meio, há muitas moedas que não valem a pena. Quando se faz uma pequena apuração, as opções já diminuem muito.

Ao invés de investir randomicamente, o ideal é colocar seu dinheiro em ativos digitais com fortes fundamentos. São moedas que trazem realmente algo de novo e têm aplicabilidade.

SAIBA QUAIS SÃO AS MELHORES CRIPTOMOEDAS PARA 2022

Criptoativos DeFi: a chance de transformar R$ 5 mil em R$ 1 milhão

O segredo para fazer muito dinheiro com pouco investimento é optar por criptos com pequeno valor de mercado e boa chance de explosão. Segundo a equipe de análise de criptomoedas da Empiricus, a categoria que melhor reúne esses atributos para 2022 são as DeFi, ou Finanças Descentralizadas.

De maneira bem simplificada, as DeFi são uma espécie de plataforma de contratos inteligentes, só que voltadas para o mundo das finanças. Essas plataformas executam operações e custodiam ativos sem passar por entidades centralizadoras, como governos e bancos.

 

Apesar de seu potencial para revolucionar o sistema financeiro global, as DeFi ainda não passaram pela mesma curva de valorização de outros ativos: elas estão defasadas – e é isso que traz grandes chances de que elas se valorizem em 2022.

 

No próximo dia 29, às 19h, a Empiricus fará um evento online e gratuito, no qual será revelada a primeira criptomoeda DeFi de uma lista selecionada por especialistas da casa.

 

O portfólio tem a capacidade de multiplicar seu valor em até 200 vezes, o que transformaria uma quantia de R$ 5 mil, por exemplo, em R$ 1 milhão.

Para participar, basta inscrever-se o mais breve possível neste link, antes que as vagas pré-reservadas se esgotem.

 

[GRATUITO] CONHEÇA A PRIMEIRA CRIPTOMOEDA DEFI DA LISTA CAPAZ DE TRANSFORMAR R$ 5 MIL EM R$ 1 MILHÃO

Tópicos

criptomoedas