Ciência

Espanha reserva vacina anticovid da AstraZeneca para maiores de 60 anos

Espanha reserva vacina anticovid da AstraZeneca para maiores de 60 anos

(ARQUIVOS) Nesta foto de arquivo tirada em 19 de março de 2021, uma seringa e um frasco da vacina AstraZeneca contra Covid-19 estão retratados no Hospital San Giovanni Bosco em Torino. - AFP/Arquivos

A Espanha anunciou nesta quarta-feira (7) que reservará a vacina anticovid AstraZeneca para pessoas com mais de 60 anos, com base em relatórios sobre o vínculo com os poucos casos de coágulos sanguíneos em pessoas vacinadas.

“Continuaremos com a vacinação de pessoas com mais de 60 anos”, anunciou a ministra da Saúde da Espanha, Carolina Darias, em entrevista coletiva após reunião com autoridades regionais de saúde.

Horas antes, a Agência Europeia de Medicamentos (EMA) considerou que os trombos que as pessoas vacinadas sofreram deveriam ser considerados um efeito colateral “muito raro” do injetável do laboratório sueco-britânico.

Outros países europeus tomaram medidas semelhantes. A França e a Bélgica administrarão a vacina a pessoas com mais de 55 anos, enquanto a Itália, a Alemanha e a Holanda a reservarão para pessoas com mais de 60 anos.

A região espanhola de Castilla e León (noroeste) havia anunciado nesta quarta-feira a suspensão da vacinação com a vacina AstraZeneca como medida de precaução, enquanto esperava a decisão do regulador europeu.

Até hoje, as autoridades sanitárias espanholas administraram esta vacina a pessoas entre 18 e 65 anos, assim como aplicaram em trabalhadores essenciais com mais de 65 anos ainda em atividade.

O governo espanhol planeja vacinar 70% da população até o final de agosto. Até o momento, apenas 6,2% da população foi vacinada com duas doses, e um total de mais de 9,3 milhões de doses de injetáveis autorizados foram aplicadas.

O país soma oficialmente cerca de 76.000 mortes, por mais de 3,2 milhões de casos, e tem sido um dos mais atingidos na Europa.

Veja também

+ Carreira da Década - Veja como ingressar na carreira que faltam profissionais, mas sobram vagas
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel