Era da informação faz 50


A revista Wired lembrou bem: entramos no ano 50 da era da informação. A primeira mensagem a percorrer a internet, em 29 de outubro de 1969, foi “Lo”, enviada de um roteador na Universidade da Califórnia, em Los Angeles, para outro em Menlo Park (cidade perto de San Francisco, onde hoje fica a sede do Facebook). O autor do texto da elegia, Adam Rogers, foi bastante preciso ao descrever no que a internet se transformou. “Os bits que correm pela rede de redes não significam nada, na verdade, mas também significam tudo – como as pessoas se relacionam, como as empresas transnacionais quantificam nosso comportamento na esperança de nos vender coisas, como os negócios são feitos, como os veículos navegam, como os movimentos políticos tentam canalizar o fluxo e refluxo da opinião pública”. A essa altura você já deve saber: “Lo” foi o que o estudante Charley Kline conseguiu digitar antes que o sistema caísse. Ele queria escrever “Login”.

(Nota publicada na Edição 1145 da Revista Dinheiro)


Mais posts

Na Inglaterra, o futuro da mobilidade

Há países em que o futuro chega. Tipo, a Inglaterra. Um projeto intitulado Midlands Future Mobility (MFM) vai equipar uma rede de 160km [...]

Top 4, crimes da quarentena

AUXÍLIO VIA CEF Quase para surpresa de ninguém, desde que foi anunciado pelo governo o Auxílio Emergencial de R$ 600 para profissionais [...]

Gorjetas crescem 278%

Até existe um Brasil que funciona e sabe o que é empatia. A plataforma James, que atua em 18 cidades com entregas em menos de uma hora, [...]

Bandidagem na Covid-19

Vamos combinar que o mundo é um lugar polimorfo perverso. Isso significa que suas manifestações de maldade e ladroagem se adaptam e se transformam o tempo todo, o que vale para momento extremos como a da crise provocada pelo novo coronavírus. Segundo Sandro Suffert, CEO da Apura S/A, empresa de segurança cibernética, “cada vez mais […]

Plataforma Kzas zera comissão até junho

Imobilizar patrimônio numa época como a atual é tarefa para quem tem excesso de liquidez. Para dar velocidade ao mercado, a plataforma [...]
Ver mais

Copyright © 2020 - Editora Três
Todos os direitos reservados.

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicaçõs Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.