Economia

Entenda por que a PEC dos Precatórios é polêmica e divide opiniões

Crédito: Leonardo Sá/Agência Senado

Aprovada em 2º turno, a PEC dos Precatórios será encaminhada agora para o Senado (Crédito: Leonardo Sá/Agência Senado)

Aprovada em segundo turno na Câmara dos Deputados nesta terça-feira à noite (9), a Proposta de Emenda Constitucional (PEC) dos Precatórios é cercada de polêmicas e muito debate, que continuarão quando o projeto chegar ao Senado para a votação final. A votação tanto da semana passada (primeiro turno) quando a de ontem (2º turno) contou com votos não apenas de governistas, mas de deputados da oposição. Com base nessa aparente contradição no discurso, uma vez que a PEC serve tanto para viabilizar o Auxílio Brasil como abre caminho para furar o teto de gastos e jogar recursos na campanha eleitoral de 2022, as mídias sociais se movimentaram contra esses deputados e o tema virou um dos assuntos mais comentados no Twitter.



Câmara aprova texto-base da PEC dos Precatórios em 2º turno

Ciro Gomes, pré-candidato à presidência da República pelo PDT, se disse surpreso com “parte substantiva da bancada” que, no primeiro turno, apoiou a “famigerada PEC dos Precatórios”. Ele chegou a deixar a pré-candidatura em suspenso até a bancada reavaliar sua posição no segundo turno das votações. A pressão deu certo e Quase toda bancada votou contra a PEC no pleito de terça à noite.

“Justiça social e defesa dos mais pobres não podem ser confundidas com corrupção, clientelismo grosseiro, erros administrativos graves, desvios de verbas, calotes, quebra de contratos e com abalos ao arcabouço constitucional”, disparou Ciro no Twitter.

O PSB, que se organiza para apoiar o ex-presidente Lula nas eleições do ano que vem, viu 10 de seus 32 parlamentares votando pela PEC no primeiro turno. Convenceu vários deles a votar contra a PEC no segundo.



Mas a vitória do Governo se deu porque aumentou o quórum na Câmara: os governistas trouxeram mais deputados para a votação desta terça-feira (sabe-se lá a que preço). No final, no segundo turno de votação na Câmara, o placar ficou em 323 votos favoráveis contra 172 contrários. Eram necessários 308 votos para aprovação. No primeiro turno, foram 312 votos a 144.

O que é a PEC dos Precatórios?

Apelidado de “meteoro” pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, os precatórios são dívidas judiciais da União com pessoas físicas e jurídicas. Muitas dessas pessoas são funcionários públicos como professores, funcionários da Saúde e servidores do baixo escalão do Estado brasileiro. A PEC propõe o parcelamento das dívidas que deveriam ser pagas no ano que vem, um valor que chega a quase R$ 90 bilhões para o ano que vem (ver gráfico abaixo).

Além disso, ela corrige os valores dessas dívidas pela taxa Selic e muda a forma de calcular o Teto de Gastos, furando uma das travas mais celebradas pelo mercado, uma vez que impede a farra nas contas públicas.

Evolução dos valores dos precatórios
Evolução dos valores dos precatórios (Crédito:Thiago Fagundes/Agência Câmara)

Com a ideia de pagar pequenos precatórios e deixar os de alto valor para outro período, o governo arranja espaço no Orçamento para destinar recursos ao Auxílio Brasil, novo nome do Bolsa Família que repassará parcelas de R$ 400 para famílias de extrema pobreza até o fim do ano que vem.

Por que a PEC dos Precatórios é polêmica?

A finalidade da PEC é considerada puramente eleitoral, uma vez que o novo programa de transferência de renda do governo está com prazo de vencimento e será encerrado logo após o calendário eleitoral do ano que vem.

Tributarista, o advogado do escritório Marcelo Tostes Advogados, João Paulo Linhares Rocha, pondera que ao adotar uma medida deste tipo, o governo fere sua credibilidade fiscal junto aos investidores.

“Os precatórios são dívidas obrigatórias e, por isso, seu parcelamento apenas prolonga o crédito que está em débito ao credor. Ao passar a mensagem de que não consegue arcar com as dívidas, o país põe em xeque sua credibilidade fiscal no exterior, a confiança dos investidores e a sua própria sustentabilidade financeira”, disse Rocha em nota.

Ele acredita que uma alternativa para resolver a questão seria o pagamento dos precatórios à vista, porém com desconto, item presente na Constituição dos precatórios acima de determinados valores – justamente o que o governo quer prorrogar.

Uma projeção feita pela Comissão de Precatórios da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), indica que a dívida pública pode chegar a R$ 1,5 trilhões até 2036 se o governo seguir jogando os pagamentos para frente.


Veja também
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Vídeo: Motorista deixa carro Tesla no piloto automático e dorme em rodovia de SP
+ Vale-alimentação: entenda o que muda com novas regras para benefício
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Descoberto na Armênia aqueduto mais oriental do Império Romano
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Passageira agride e arranca dois dentes de aeromoça
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Lago Superior: a melhor onda de água doce do mundo?

Tópicos

auxilio brasil auxilio brasil cadastro auxílio brasil quem tem direito? Auxílio Brasil valor auxílio emergencial auxilio emergencial consulta auxílio emergencial prorrogado avaliação BC Bolsonaro Bolsonaro eleições brizola Calote Câmara Centrão Ciro Ciro Gomes Comissão de Precatórios da Ordem dos Advogados do Brasil Como consultar precatórios pelo CPF? como se cadastrar no Auxílio Brasil? como votaram os deputados na PEC dos precatórios? Congresso consultar precatório pelo cpf dívidas da união dívidas judiciais Doria Eduardo Gouvêa eleições eleições 2022 eleitoreiro Fernando Bezerra fura teto Fux governo GUEDES inconstitucional João Paulo Linhares Rocha junho lançamento lideranças lista de precatórios a serem pagos em 2020 lista de precatórios a serem pagos em 2021 marcelo ramos Marcelo Tostes Advogados ministério da cidadania auxílio emergencial telefone ministério da cidadania contestação auxílio emergencial O que é a PEC dos Precatórios? o que é precatório O que é precatório e como funciona O que são os precatórios? o que são precatórios? o que significa precatório? OAB Pacheco pagamento pagamento da dívida pública pagamento de precatórios parcelamento de precatório Paulo Guedes PDT pdt e psb PEC PEC EMERGENCIAL pedalada fiscal pedaladas pesquisa Por que a PEC é polêmica? precatório parcelado precatórios precatórios 2021 sp precatórios 2021 tjsp precatórios 2022 precatórios brasil precatórios do fundeb precatórios do fundef precatórios inss precatórios o que é precatórios sp precatórios sp consulta pelo cpf precatórios tjsp precatórios trf3 projeto de emenda constitucional Qual a data da 6 parcela do auxílio? Qual a data da 7 parcela do auxílio emergencial? quando vou receber meu precatório? Quanto tempo demora para receber um precatório? reajuste de salários refis reforma do IR regramento renda cidadã reunião Rocha salários servidores setor público SP STF superprecatório suspensão taxa Selic vinculação