Ciência

Engenheiro alemão que retornou à China testa positivo para coronavírus

Engenheiro alemão que retornou à China testa positivo para coronavírus

Monitor do aeroporto da cidade alemã de Frankfurt mostra o voo LH 342 da Lufthansa com destino a Tianjin, China, em 29 de maio de 2020 - AFP

Um engenheiro alemão que estava no primeiro voo de retorno à China transportando funcionários europeus testou positivo para o novo coronavírus, sem apresentar sintomas, informaram neste domingo autoridades locais.

O homem estava a bordo de um avião em que viajavam principalmente alemães, cerca de 200 funcionários e suas famílias, que partiu de Frankfurt e pousou ontem em Tianjin, a 100 km de Pequim. O voo marcou o retorno de europeus à China desde a suspensão dos vistos, no fim de março, devido à pandemia.

Autoridades de Tianjin informaram que o homem, 34, testou positivo apesar de não apresentar sintomas quando deixou Frankfurt. Ele foi transferido a um hospital para ser examinado. Todos os passageiros foram testados na chegada à China e colocados em quarentena por duas semanas.

A China fechou suas fronteiras, no fim de março, a todos que possuiam visto, inclusive pessoas com permissão de residência, por medo de uma nova onda de infecções vinda do exterior.

Veja também

+ Receita abre consulta a segundo lote de restituição de IR, o maior da história
+ Homem encontra chave de fenda em pacote de macarrão
+ Baleias dão show de saltos em ilhabela, veja fotos!
+ 9 alimentos que incham a barriga e você não fazia ideia
+ Modelo brasileira promete ficar nua se o Chelsea for campeão da Champions League
+ Cuide bem do seu motor, cuidando do óleo do motor
+ 12 dicas de como fazer jejum intermitente com segurança