Edição nº 1075 22.06 Ver ediçõs anteriores

Energia que salva vidas

Energia que salva vidas

O custo das energias limpas, como solar e eólica, é apontado como um impeditivo para a disseminação desse tipo de geração. Afinal, a economia sofreria com aumentos nas tarifas, caso o carvão e o petróleo fossem abandonados. Essa conta, no entanto, deixa de fora alguns custos não relacionados diretamente ao negócio de energia. Como a poluição. Um estudo realizado pelo Lawrence Berkeley National Laboratory, centro de pesquisas ligado à Universidade Berkeley, na Califórnia (EUA), que já contabiliza em sua história 13 prêmios Nobel, joga um pouco mais de luz nessa questão. O trabalho calculou os benefícios da melhoria da qualidade do ar, em decorrência do uso de energias renováveis, entre os anos de 2007 a 2015 em uma série de cidades americanas.

No período, algumas localidades chegaram a evitar mais de 12 mil mortes prematuras relacionadas à poluição. Segundo o estudo, o nível de poluição do ar por partículas nocivas, nos Estados Unidos, caiu 27%, desde os anos 1990, como consequência direta do aumento do uso das renováveis. Além disso, benefícios acumulados, que incluem o aumento de produtividade na agricultura, prevenção de desastres naturais, como inundações, entre outros efeitos da limpeza na geração energética, promoveram uma economia de até US$ 106 bilhões, também dependendo da região e no mesmo período. A Organização Mundial da Saúde (OMS) estima que a má qualidade do ar cause cerca de 3 milhões de mortes prematuras, no mundo. Os benefícios das energias limpas podem ser ainda maiores em outros países, como a China, uma vez que a qualidade de ar nos EUA é considerada boa, segundo os padrões da OMS.

(Nota publicada na Edição 1034 da Revista Dinheiro)


Mais posts

País fossilizado

Entre 2013 e 2017, o Brasil gastou R$ 342,36 bilhões em subsídios para combustíveis fósseis, por meio de renúncias fiscais e gastos [...]

Lucro para a ecologia

O grupo varejista francês Casino, dono das bandeiras Pão de Açúcar e Extra, vendeu 26% mais produtos orgânicos e ecologicamente [...]

A volta do El Niño?

As condições para a ocorrência do El Niño, quando a temperatura do Oceano Pacífico se eleva e provoca alterações climáticas ao redor do mundo, estão postas. O Centro de Previsão do Clima dos EUA anunciou que as chances do fenômeno ocorrer entre dezembro de 2018 e fevereiro de 2019 aumentaram em 64%. No último relatório […]

Bicicleta elétrica X carro

Apostar em utilizar a bicicleta para trajetos pela cidade, em vez do carro, traz ganhos para a saúde e ajuda o meio ambiente. Mas o [...]

Sem mais canudos

O McDonald’s anunciou que vai substituir os seus canudos de plástico por outros de papel em todo o Reino Unido e Irlanda, a partir de [...]
Ver mais
X

Copyright © 2018 - Editora Três
Todos os direitos reservados.

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicaçõs Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.