Economia

Em quase três horas, Guedes fica nas mãos da oposição, que concentra perguntas

Em quase três horas de audiência na Comissão de Constituição de Justiça (CCJ), o ministro da Economia, Paulo Guedes, foi metralhado por perguntas principalmente de deputados da oposição, que desde a semana passada se articulavam para dominar os questionamentos ao ministro.

Parlamentares do PT, do PDT, do PSOL e do PSB foram os principais protagonistas da fase inicial da audiência. Guedes chegou a bater boca com alguns deles, mas logo depois conseguiu “esfriar” a temperatura e pediu desculpas em uma das vezes em que se exaltou.

A avaliação preliminar na área econômica, segundo apurou o Broadcast, sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado, é a de que o ministro está tendo um “bom desempenho” na audiência, pois mesmo nos momentos mais tensos soube escapar da tentativa da oposição de envolvê-lo num bate-boca ainda maior.

Veja também

+ Carreira da Década - Veja como ingressar na carreira que faltam profissionais, mas sobram vagas
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel