Giro

Em comemoração dos 30 anos de ‘A Pequena Sereia’, mutirão tira lixo de praia

A Disney Studios promoveu uma ação para retirar lixo do litoral de São Paulo em meio à celebração dos 30 anos do filme A Pequena Sereia. O evento foi uma parceria com o canal National Geographic e o Instituto EcoSurf.

O mutirão ocorreu no mês de novembro na Praia do Guaraú, em Peruíbe, litoral sul de São Paulo. Todo o trabalho foi realizado por voluntários, que retiraram cerca de 50 quilos de lixo da praia.

Uma parte dos materiais foi reaproveitada pelo artista Gian Luca Ewbank, conhecido como Baldacconi, em uma obra que retrata a princesa Ariel, protagonista de A Pequena Sereia. O painel recebeu o nome Treasures (trashes) from the sea, ou, em português, Tesouros (lixos) do mar, e tem como objetivo conscientizar e incentivar as pessoas a proteger os oceanos.

“A ideia da obra é mostrar ao público, através dos elementos aplicados no trabalho, as belezas dos nossos oceanos, e lembrar que nosso maior tesouro está aqui, na natureza. Sem consciência e disciplina, não conseguiremos reverter essa catástrofe criada por nós chamada poluição”, comentou o artista.

Toda a ação foi gravada, e o vídeo será publicado na página do Facebook Disney Princesas Brasil. Cada compartilhamento do post será revertido em doação para o Instituto EcoSurf, cuja missão é conservar oceanos por meio de pesquisas, educação ambiental e engajamento social.

Veja também

+ T-Cross ganha nova versão PCD; veja preço e fotos

+Conheça os 42 anos de história da picape Mitsubishi L200

+ Remédio barato acelera recuperação de pacientes com covid-19

+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil

+ Avaliação: Chevrolet S10 2021 evoluiu mais do que parece

+ Grosseria de jurados do MasterChef Brasil é alvo de críticas

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?