Giro

Elon Musk fala sobre existência de óvnis e agita o Twitter

Crédito: Reprodução/Divulgação

Musk respondia sobre a tecnologia de seu veículo que permite que o carro desvie de qualquer objeto. "Não estou dizendo que existem óvni.. Mas óvnis existem” (Crédito: Reprodução/Divulgação)

Na última segunda (13), o empreendedor e bilionário sul-africano-canadense-americano, Elon Musk causou polêmica no Twitter ao falar de óvnis. “Não estou dizendo que existem óvnis… Mas óvnis existem”, publica o criador da empresa aeroespacial SpaceX.

Elon Musk estava respondendo a um tuíte sobre a tecnologia embarcada no modelo FSD V10, de seu veículo elétrico Tesla, que permite que o carro desvie de qualquer objeto.

+ O que o perfil “sem noção” de Elon Musk pode ensinar sobre negócios

“FSD 10 prevê a altura diretamente no pixel do vídeo, sem necessidade de classificar grupos de pixels como objetos. Em princípio, mesmo se um óvni se chocasse contra uma rodovia na sua frente, ele [Tesla] conseguira evitar os destroços. Ainda assim, é preciso trabalho para ajustar a sensibilidade”, explica o bilionário no Twitter.



Claro que, apesar de ter usado objetos voadores não-identificados como simples exemplos, Elon Musk recebeu dezenas de comentários de usuários da rede social intrigados com a possibilidade de existência de óvnis.

“Agora não resta dúvida… É questão de tempo”, diz o perfil @edgarrr_12 em resposta ao empresário sul-africano.

“E os alienígenas estão entre nós”, comenta a usuária @justpaulinelol no Twitter.

“Eu achei que você havia dito que se existissem óvnis, saberia sobre isso. Você está dizendo que sabe sobre óvnis?”, questiona @long_elon na mesma rede social.

“Talvez a SpaceX podia aproveitar a conectividade da Starlink [rede de satélites] para transmitir imagens ao vivo do espaço, 24 horas, 7 dias por semana”, diz o perfil @michaelhodapp_ em resposta a Elon Musk. 

Vale lembrar que em abril deste ano, a cápsula Crew Dragon Endeavour, da SpaceX, que estava se dirigindo para a Estação Espacial Internacional, teve “contato” com um objeto voador não-identificado, segundo a Nasa.

“A possibilidade da colisão chegou a tal ponto de aproximação que não houve tempo para calcular e executar de forma segura a manobra de prevenção de destroços. Então, a equipe da SpaceX optou por fazer com que a tripulação vestisse seus trajes pressurizados por precaução”, afirmou, na época, Kelly Humphries, porta-voz da Nasa, citado pelo jornal americano New York Post.

No auge da aproximação, o óvni passou a cerca de 44 km de distância da espaçonave de Elon Musk. Ainda assim, o porta-voz da agência espacial dos EUA disse que não havia perigo real para a tripulação da Crew Dragon Endeavour.

Veja também
+ Até 2019, havia mais gente nas prisões do que na bolsa de valores do Brasil
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Chef playmate cria receita afrodisíaca para o Dia do Orgasmo
+ Mercedes-Benz Sprinter ganha versão motorhome
+ Anorexia, um transtorno alimentar que pode levar à morte
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Veja quanto custa comer nos restaurantes dos jurados do MasterChef
+ Leilão de carros e motos tem desde Kombi a Nissan Frontier 0km