Economia

Economistas preveem que PIB da zona do euro sofrerá contração de 8,3% este ano

O Produto Interno Bruto (PIB) da zona do euro deverá sofrer contração de 8,3% este ano em função da crise do coronavírus, segundo pesquisa trimestral do Banco Central Europeu (BCE) com economistas. No levantamento anterior, ha três meses, a previsão era de queda de 5,5%.

Para 2021, por outro lado, a projeção de crescimento econômico do bloco subiu de 4,3% para 5,7%.

Em relação à inflação da zona do euro, economistas preveem taxa de 0,4% em 2020, a mesma da pesquisa anterior. Dados publicados mais cedo mostraram que a taxa anual de inflação do bloco ficou em 0,3% em junho.

Para o próximo ano, a expectativa agora é de que a inflação da região acelere para 1%. Antes, porém, a previsão era de taxa maior, de 1,2%.



Veja também
+ Como podcasts podem ajudar na educação financeira do brasileiro
+ Mistério: mulher descobre que não é a mãe biológica de seus próprios filhos
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Chef playmate cria receita afrodisíaca para o Dia do Orgasmo
+ Mercedes-Benz Sprinter ganha versão motorhome
+ Anorexia, um transtorno alimentar que pode levar à morte
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Veja quanto custa comer nos restaurantes dos jurados do MasterChef
+ Leilão de carros e motos tem desde Kombi a Nissan Frontier 0km