Giro

Duas crianças de até 5 anos morrem de covid-19 por dia no Brasil, indica pesquisa

Crédito: Pixabay

Essa faixa etária ainda não está autorizada a tomar vacina contra a doença (Crédito: Pixabay)



Desde o início da pandemia, em março de 2020, em média duas crianças menores de 5 anos morreram a cada dia no Brasil vítimas de covid-19, indica pesquisa divulgada nesta segunda-feira, 27, pelo Observa Infância, projeto ligado ao Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde (Icict) da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). Essa faixa etária ainda não está autorizada a tomar vacina contra a doença.

Em 2020, 599 crianças nessa faixa etária morreram vítimas de covid-19. Em 2021, quando a letalidade da doença aumentou em toda a população, o número de vítimas infantis saltou para 840. Ao todo, 1.439 crianças de até 5 anos morreram por covid-19 nos dois primeiros anos da pandemia no Brasil. A região Nordeste concentra quase metade desses óbitos.

+ Brasil tem mais de 47% da população imunizada com a dose de reforço contra covid

Os dados de 2020 e 2021, analisados pelos coordenadores do Observa Infância Cristiano Boccolini e Patricia Boccolini, foram coletados no Sistema de Informação sobre Mortalidade (SIM), cujos números passaram por revisão do Ministério da Saúde e das secretarias estaduais e municipais de Saúde. Dados preliminares divulgados pelo Boletim Epidemiológico do Ministério da Saúde indicam que a média de 2 mortes diárias se mantém este ano. Entre 1º de janeiro e 13 de junho de 2022, o Brasil registrou 291 mortes de crianças menores de 5 anos por covid-19.




A análise dos dois primeiros anos da pandemia no Brasil mostra que crianças de 29 dias a 1 ano de vida são as mais vulneráveis. “Bebês nessa faixa etária respondem por quase metade dos óbitos registrados entre crianças menores de 5 anos. É preciso celeridade para levar a proteção das vacinas a bebês e crianças, especialmente de 6 meses a 3 anos. A cada dia que passamos sem vacina contra covid-19 para menores de 5 anos, o Brasil perde 2 crianças”, afirma Patricia.

Segundo Boccolini, os dados se referem a óbitos infantis em que a covid-19 foi registrada como causa básica e àqueles em que a covid-19 é uma das causas da morte, ou seja, a doença agravou alguma condição de risco preexistente ou esteve associada à causa principal de óbito. “Na análise do Observa Infância consideramos também as mortes em que a covid-19 agravou um quadro preexistente. Embora nem todas essas crianças tenham morrido de covid-19, todas morreram com covid-19”, esclarece o pesquisador.

Nem todos os países registram os óbitos por covid-19 com informações por faixa etária. Até junho de 2022, dados coletados pelo Unicef em 91 países mostram que a covid-19 foi a causa básica de óbito de 5.376 crianças menores de 5 anos no mundo. Ajustados os dados comparativos, o Brasil responde por mais de 20% dessas mortes.







Tópicos

4ª dose combate o quê? 4ª dose necessária 4ª dose vacinas a pandemia acabou? adolescentes e crianças covid alteração da microcirculação alterações circulatórias anticoagulantes anticorpos covid sintomas apendicite artérias aulas presenciais sp hoje aulas presenciais sp municipais aulas presenciais sp suspensas aumento de casos autoteste coronavírus autotestes covid-19 braços Brasil casos casos de covid são paulo capital casos de covid são paulo hoje casos de covid são paulo ontem casos de covid são paulo por dia circulação arterial coágulos como detectar covid período fértil Como ocorre a transmissão da COVID-19? congestão nasal consórcio conter o avanço do coronavírus coronavírus coronavírus estudos covid covid anticorpos covid deixa sequelas? covid longa covid medicamentos covid remédios covid restrições covid tratamento Covid-19 covid-19 brasil covid-19 brasil 2022 covid-19 casos brasil covid-19 recorde brasil crianças crianças com covid cuidados dados diabetes dissecção arterial dor dor de cabeça dor de garganta dor muscular dor no corpo dose de reforço doses de vacinas doses de vacinas contra a covid-19 embolia pulmonar especialistas fadiga falta de ar febre fim da pandemia formação de coágulos hábitos de prevenção do coronavírus higiene Higiene Pessoal hipertensão identificar inchaço infecção infecções infectologista letargia mal estar máscara máscara de proteção máscara vacina máscaras vacina OMS medidas de segurança mortes mutação de cor e temperatura nariz entupido nova variante novas variantes O que é PCR obstrução dos vasos OMS organização mundial da saúde pandemia perda de olfato perda de paladar pernas pés pesquisa prevenção do coronavirus Prevenir problema do coração qual o melhor teste para covid Quantos dias para aparecer os sintomas da Omicron? Quem deve seguir usando máscara? reinfecção reinfecção coronavírus risco cardíaco risco de de doenças virais sequelas covid sinais e sintomas da omicron sintomas sintomas da omicron em vacinados sintomas vasculares surgimento novas variantes no mundo suspensão de aulas presenciais suspensão de aulas presenciais sp suspensão de aulas presenciais sp 2022 temperatura covid detecção teste covid cientistas teste covid farmacia teste covid novidade teste covid sangue teste suor testes testes covid disponíveis tosse tratamentos tratar as doenças tromboembolismo arterial trombose trombose venosa vacina da Pfizer vacina duas doses protege mais que a de dose única? vacinação vacinação contra a covid-19