Política

Doria vota e fala em ‘resgate’ do PSDB

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), recebeu o prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), candidato à reeleição, em sua casa, nos Jardins (zona sul da capital), para que fosse votar no Colégio St. Paul, no mesmo bairro, na manhã deste domingo. Doria falou com jornalistas após cumprir a obrigação eleitoral, ressaltando “a beleza da democracia” e dizendo que a eventual vitória do candidato tucano, que havia sido seu vice na Prefeitura, representava “o resgate do PSDB”.

“Hoje é dia de Bruno Covas em São Paulo”, afirmou Doria, dizendo-se “emocionado”. O governador afirmou ter visto “pessoas com mais de 70 anos, que nem precisavam votar” no colégio – Covas lidera entre o eleitorado mais velho, segundo as pesquisas.

Doria disse que a eventual reeleição do prefeito representaria “uma reafirmação e um resgate no plano nacional” de seu partido. “O PSDB caminha para ser o partido com o maior número de eleitores nestas eleições em todo o País”, disse. “Isto é uma retomada importante para o PSDB nacionalmente.”

“Superada esta eleição”, continuou o governador, “não temos de pensar na próxima eleição, temos de pensar na Nação, no Brasil, em ajudar população a superar a gravíssima crise de saúde, do coronavírus, fazer a vacinação e libertar os brasileiros desta pandemia para que a economia possa ser retomada”.

Doria deve acompanhar Covas com outros aliados durante a apuração dos resultados.

Veja também

+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel