Finanças

Dólar recua ante divisas principais, com dados, Fed e covid-19 no radar

O dólar caiu ante outras moedas principais nesta quinta-feira, 3, sem muito impulso após ganhos recentes. Em dia de fortes perdas nos mercados acionários de Nova York, investidores monitoraram indicadores, declarações de dirigentes do Federal Reserve (Fed, o banco central americano) e a pandemia da covid-19 e seus riscos para a atividade.

No fim da tarde em Nova York, o dólar caía a 106,15 ienes, o euro avançava a US$ 1,1855 e a libra tinha baixa a US$ 1,3275. O índice DXY, que mede a divisa americana em relação a uma cesta de outras moedas fortes, caiu 0,12%, a 92,739 pontos.

O DXY vinha de duas sessões de ganhos e oscilou entre ganhos e perdas boa parte do dia de hoje. Hoje, a Western Union afirmou que a moeda americana era pressionada pela queda nos juros reais, após o ajuste na política monetária do Fed. Segundo a BK Asset Management, a correção nas ações em Nova York amparou cautela no mercado cambial, com o dólar em queda frente ao iene e o franco suíço, por exemplo. Na agenda de indicadores, houve dados mistos nos EUA hoje e a Capital Economics apontou que o fim do auxílio extra a desempregados já pesa na demanda.

Entre os dirigentes do BC, Charles Evans, presidente da distrital de Chicago, ressaltou hoje a importância de mais estímulos fiscais, no quadro ainda delicado para a economia dos EUA, e comentou que pode ser necessário impor novas restrições para conter a covid-19, em alguns casos. Em Washington, continua o impasse pela aprovação de mais um pacote fiscal, com troca de acusações entre governo e oposição. O presidente do Fed de Atlanta, Raphael Bostic, enfatizou que a recuperação segue desigual nos EUA, entre setores e regiões.

Já o euro terminou em alta, mas caiu em parte do dia, após dados fracos do varejo da zona do euro e depois de o Financial Times publicar que o Banco Central Europeu (BCE) mostraria preocupação com a força da divisa comum.

Ante moedas emergentes, o dólar avançou em relação à lira turca, que atingiu mínima histórica hoje após dados de inflação na Turquia, que segue em nível elevado. No fim da tarde, o dólar avançava a 7,4386 liras, de 7,3829 liras no fim da tarde de ontem.

Veja também

+ Caixa substitui pausa no financiamento imobiliário por redução de até 50% na parcela
+ Teve o auxílio emergencial negado? Siga 3 passos para contestar no Dataprev
+ iPhone 12: Apple anuncia quatro modelos com preço a partir de US$ 699 nos EUA
+ Veja mudanças após decisão do STF sobre IPVA
+ T-Cross ganha nova versão PCD; veja preço e fotos
+MasterChef: competidora lava louça durante prova do 12º episódio’
+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil
+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados
+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020
+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea
+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

Tópicos

moedas