Ciência

Diretriz da OMS: Hidroxicloroquina não deve ser usada como prevenção contra a covid

Crédito: Arquivo/Agência Brasil

A nova recomendação tem como base seis estudos clínicos com evidências de alto nível, que somaram mais de 6 mil participantes (Crédito: Arquivo/Agência Brasil)

A Organização Mundial da Saúde (OMS) publicou uma diretriz sobre o uso da hidroxicloroquina como tratamento preventivo da covid-19. Na publicação, a organização pede que o medicamento não seja administrado como forma de proteger a população contra a infecção do coronavírus.

Segundo o G1, o documento foi publicado na revista científica “The BMJ” nesta segunda-feira (1°). A diretriz é de responsabilidade de um painel de especialistas internacionais do Grupo de Desenvolvimento de Diretrizes da OMS (GDG).

+ Prefeitos se unem para criar consórcio e agilizar compra de vacinas
+ Covid-19: mortes somam mais de 255 mil e casos, quase 10,6 milhões

A nova recomendação tem como base seis estudos clínicos com evidências de alto nível, que somaram mais de 6 mil participantes e confirmaram que a hidroxicloroquina é ineficaz na prevenção contra a covid-19.

A orientação da OMS, agora, passa a ser concreta e oficial para os países e profissionais de saúde.

Veja também

+ Carreira da Década - Veja como ingressar na carreira que faltam profissionais, mas sobram vagas
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel