Direitos animais

A corte de Justiça do Estado de Nova York rejeitou na terça-feira 8 o pedido de liberdade para os chimpanzés Tommy e Kiko, mantidos em jaula por seus respectivos donos, entre eles, um treinador de animais. Sob a responsabilidade do advogado Steven Wise, o processo foi registrado pela organização Projeto de Direitos Não-Humanos, que desejava levá-los para um santuário de animais. A corte de apelações entendeu que a decisão da primeira instância estava correta em definir que os símios não são pessoas legais. No entanto, o juiz da corte de apelações Eugene Fahey avaliou que, como possuem 96% do DNA humano, os chimpanzés têm habilidades cognitivas avançadas e trazem um grande dilema ético e de regulação que precisa ser resolvido.

(Nota publicada na Edição 1069 da Revista Dinheiro)

Veja também

+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel


Mais posts

Escassez de água ameaça o futuro da humanidade

Consumidores de recursos hídricos das principais bacias hidrográficas do País, como as dos rios Doce, São Francisco e Mucuri, têm até o [...]

Noronha: biodiversidade em risco

O governo federal liberou a pesca da sardinha dentro do Parque Nacional Marinho de Fernando de Noronha. Além de abrir um perigoso [...]

A responsabilidade de cada um

Elas trouxeram praticidade e uma nova maneira de beber uma boa xícara de café, mas as cápsulas com o pó da bebida tornaram-se um [...]

Edital para projetos de energia

Está aberto o processo que selecionará oito startups brasileiras com propostas inovadoras criadas para acelerar a transição energética no Brasil. Nesta edição, a iniciativa da Engie, empresa de energia, em parceria com o Senai, criou um fundo de R$ 2 milhões que será desmembrado em apoios de R$ 250 mil a R$ 400 mil para […]

Amazônia mais limpa

Mais de duas toneladas de resíduos sólidos, dos quais 900 quilos somente no ano passado, deixaram de ser descartados na Floresta [...]
Ver mais

Copyright © 2021 - Editora Três
Todos os direitos reservados.

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicaçõs Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.