Estilo

DINHEIRO testa a BMW iX e mostra por que o modelo revolucionará o que chamamos até aqui de automóvel

Primeiro SUV inteligente da BMW, o iX chega ao Brasil com inovações radicais em desempenho, luxo e sustentabilidade.

Crédito: Divulgação

Sabe quando você entra no carro e fecha a porta sem aplicar a força suficiente? É preciso abrir e fechar novamente para travá-la, certo? Não no BMW iX. Ao perceber que a porta ficou semiaberta, um motorzinho faz o esforço adicional. Pronto. Porta fechada e travada. Quer abri-la? Não adianta procurar a alavanca. Ela foi substituída por um botão. Detalhe: ele é de cristal, assim como as teclas de ajustes dos bancos e o seletor de funções do console. Esses detalhes aparentes, contudo, são apenas parte das inovações que o SUV da montadora alemã oferece. Há muita tecnologia embarcada que os olhos não veem, mas o coração sente. E como. Seus dois motores combinados entregam 523 cavalos (versão xDrive50). Eles levam o carro de zero a 100 km/h em incríveis 4,6 segundos. Poucos SUVs desse porte são tão rápidos e proporcionam tanto prazer ao volante.

ALGORITMOS A reportagem da DINHEIRO comprovou isso em um test drive que incluiu trechos urbanos e estradas de pistas duplas e simples. A combinação de conforto e esportividade impressiona quase tanto quanto a autonomia, que pode chegar a 630 km com uma única carga, dependendo do percurso e das condições de uso. Assim que o motorista insere o seu destino no sistema de navegação, o carro recalcula a autonomia máxima possível de acordo com o nível da bateria por meio do cruzamento de algoritmos de topografia e trânsito. Para o CEO e presidente do BMW Group Brasil, Aksel Krieger, o modelo representa “um novo passo na conexão entre o carro, passageiros e o mundo”. Segundo ele, o iX “se atualiza sozinho, aprende hábitos e antecipa desejos com inteligência artificial”. A ponto de regenerar pequenos danos na grade frontal, que emprega nanotecnologia. Não é exagero chamar o iX de revolucionário.

E se os motores elétricos não fazem ruído, prepare-se para o som. São 30 alto-falantes, alguns embutidos nos bancos para proporcionar vibração total. A função pode ser desligada com um toque no painel, onde duas telas curvas se integram: uma atrás do volante (12,3”); outra no centro da cabine (14,9”). O interior, clean e minimalista, é baseado no conceito Shy Tech, com menos botões e maior interatividade.

Fabricado em Dingolfing, Alemanha, o BMW iX usa energia renovável em todos os processos e matérias-primas sustentáveis na sua construção. Até redes de pesca recicladas foram usadas nos revestimentos do assoalho e dos tapetes. No Brasil, os preços partem de R$ 654.950 (xDrive40) e chegam a R$ 799.950.