PUBLIEDITORIAL

Descubra a maior cidade da América Latina

Facilidade de acesso e variedade de opções de transporte complementam os diferenciais do Centro de Convenções

Descubra a maior cidade da América Latina

 

 

 

apresenta:

 

São Paulo comporta várias cidades dentro de uma só. Cada bairro tem vida própria, características que nem sempre moradores de outras regiões conhecem. Vale a pena tirar um tempo para conhecer algumas peculiaridades.

ATRAÇÕES TURÍSTICAS

Parque Burle Marx – Quando visitar esse parque, o mais próximo do Transamerica Expo Center, lembre-se de que ali já foi uma chácara particular. O terreno tem aproximadamente 15 hectares e um jardim assinado pelo paisagista Burle Marx. Desfrute com calma o amplo gramado xadrez, os painéis artísticos e os conjuntos de fontes e espelhos d’água. Além de caminhar (ou correr) pelas alamedas, ainda é possível fazer diversas atividades físicas e de lazer. Entre elas, ioga, tai chi chuan, meditação, capoeira, aquarela…Antes, é recomendável pesquisar o horário das aulas no site http://parqueburlemarx.com.br
Onde fica: Av. Dona Helena Pereira de Moraes, 200 – Vila Andrade
Aberto todos os dias, das 7h às 19h, incluindo domingos e feriados
Entrada gratuita

Autódromo de Interlagos – Nem pense em aproveitar a passagem por São Paulo para dirigir na pista onde já correram grandes pilotos de todo o mundo. Isso não pode mesmo! Mas há uma solução para conhecer o lugar que mexe com a paixão de tantos brasileiros: a pé, dando uma volta no parque perimetral do autódromo. Fica a 10 km do Transamerica Expo Center e quem curte automobilismo pode gostar do passeio. Veja mais no site autodromodeinterlagos.com.br
Onde fica: Av. Senador Teotônio Vilela, 261, bairro de Interlagos
Aberto todos os dias, das 7h às 17h, exceto em dias de eventos
Entrada gratuita

Estádio do Morumbi – Seu nome ofi cial é Cícero Pompeu de Toledo, mas pouca gente na cidade o chama assim. Independentemente do clube do coração, quem vem a São Paulo pode visitar o maior estádio particular de futebol do Brasil. Do Transamerica Expo Center até lá a distância é em torno de 10 km. Chegando ao local, preste atenção no projeto criado pelo famoso arquiteto Vilanova Artigas no início de 1952. Ao agendar um tour (sim, é preciso marcar previamente), o visitante vai conhecer também o complexo Morumbi Concept Hall, onde fi cam os camarotes, bares, restaurantes, academia de ginástica, estúdio profi ssional de música, entre outros. Veja mais no site morumbitour.com.br
Onde fica: Praça Roberto Gomes Pedrosa, 1 – Morumbi
Aberto todos os dias, mas é preciso agendar antes pelo telefone (11) 3739-5222.
Os preços variam de R$ 20 (crianças de 6 a 12 anos) e R$ 40 (adultos). Sócios torcedores pagam R$ 30. Meia entrada também para portadores de carteira de estudante e maiores de 60 anos.
Crianças de 0 a 5 anos, acompanhadas de adultos pagantes, não pagam. Mais informações em www.morumbitour.com.br

Museu da Imagem e Som (MIS)
Criado em 1970, o Museu da Imagem e do Som tem como principal objetivo registrar e preservar o passado e o presente das manifestações ligadas às áreas de música, cinema, fotografia, artes gráficas, e tudo que diz respeito à vida contemporânea brasileira. O acervo do MIS tem hoje mais de 200 mil imagens distribuídas em coleções temáticas de conteúdo diversificado; mais de 1.600 fi tas de vídeo, nos gêneros ficção, documentários experimental e musical; e ainda 12.750 títulos distribuídos em Super 8 e 16mm. O MIS conta também com uma programação mensal de shows, mostras, festivais de cinema e vídeo, exposições de fotografia e de artes gráficas.
Onde fica: Av. Europa, 158, Jardim Europa – São Paulo – SP
Aberto de terça a sábado, das 12h às 22h. Domingos e feriados, das 11h às 21h. Preço do Ingresso: R$ 4 e meia-entrada. Telefone: (011) 2117-4777

Avenida Paulista – Se puder passear na avenida mais famosa do País em um domingo, não perca a oportunidade. Por lá é tudo uma festa! As pistas fi cam fechadas para automóveis e os pedestres fazem a festa. A cada quarteirão tem um som diferente, seja de músicos solitários, bandas ou outros artistas de rua mostrando seu trabalho. Aproveite para conhecer lugares como MASP (masp.org.br), Japan House (www.japanhouse.jp), Casa das Rosas (www.casadasrosas.org.br), Instituto Itaú Cultural (www.itaucultural.org.br), Instituto Moreira Salles (ims.com.br), entre tantas outras atrações. A Paulista é, sem dúvida, uma festa do início ao fi m.

Parque do Ibirapuera – Uma delícia de lugar para passear em qualquer dia da semana, mas saiba que nos domingos é sempre lotado. O parque tem 221 hectares e foi inaugurado em agosto de 1954. Dá para passear de bike, skate, caminhar, correr, visitar o Museu de Arte Moderna (MAM) e almoçar no seu restaurante, conhecer o edifício da OCA projetado por Oscar Niemeyer, ver as estrelas no planetário… enfim, o que não falta por lá é oportunidade de se divertir.

Centro Histórico – O Marco Zero de São Paulo fi ca na Praça da Sé e está a 18 km de distância do Transamerica Expo Center. Com o trânsito pesado tão comum, é possível gastar uma hora de carro até chegar lá. Mas dá para ir de metrô também e descer no coração da cidade. Dali o visitante tem a possibilidade de visitar uma série de locais históricos. Sugerimos o seguinte roteiro para ser feito a pé: Catedral da Sé – Deixe para trás as preocupações do dia a dia e entre com fé nessa igreja que é considerada o quarto maior templo neogótico do mundo. A construção começou em 1913 e demorou cerca de 40 anos para fi car pronta. Ao longo dos anos tem sido palco de muitos movimentos históricos. Em sua cripta estão os restos mortais do cacique Tibiriçá e dos padres jesuítas Manuel da Nóbrega e José de Anchieta.

Páteo do Collegio – A próxima parada é um complexo histórico-cultural-religioso pertencente à Companhia de Jesus, ordem dos jesuítas fundada por Santo Inácio de Loyola. Naquele local nasceu a cidade de São Paulo, quando os jesuítas começaram a catequizar os índios. A praça abriga o Museu Anchieta e a Igreja Beato José de Anchieta, onde está exposto o fêmur do padre.

Solar da Marquesa de Santos – Dona Maria Domitila de Castro e Mello será sempre lembrada como a Marquesa de Santos e também como amante de Dom Pedro I. Ela comprou esse sobrado em 1834, localizado na antiga Rua do Carmo. Essa arquitetura residencial do século 18 não encontra outro exemplar na cidade. E o visitante ainda poderá conhecer mobiliários e utensílios domésticos da época. Até a banheira da marquesa está por lá.

Mosteiro de São Bento – Aqui é possível rezar, conhecer melhor a história da cidade e também se deliciar com deliciosas produções culinárias feitas pelos monges e guardadas em segredo. Pães, bolos, doces e até cerveja são vendidos na lojinha logo na entrada. Os beneditinos chegaram na cidade em 1598 e em 1634 criaram a Abadia e a Capela dedicada a São Bento. As missas com canto gregoriano acontecem diariamente, porém, a mais tradicional delas acontece às 10h de domingo.

Theatro Municipal – Se quiser prosseguir a rota cultural, então a dica é conhecer esse grande cartão postal de São Paulo, aberto em setembro de 1911. Foi construído pelo arquiteto Ramos de Azevedo e os pelos italianos Cláudio Rossi e Domiziano Rossi, inspirados pela Ópera de Paris. Seu corpo artístico atualmente é formado pela Orquestra Sinfônica Municipal, Orquestra Experimental de Repertório, Balé da Cidade, Quarteto de Cordas, Coral Lírico, Coral Paulistano, entre outros. É possível agendar visitas de grupos de 10 a 50 participantes pelo email tmeducativo@institutoodeon.org.br. Se quiser ir direto para lá de metrô, as estações mais próximas são Anhangabaú (Metrô – Linha 3 Vermelha) e República (Metrô – Linha 3 Vermelha e Linha 4 Amarela). Mais informações: theatromunicipal.org.br

Mercado Municipal – Lembre-se que a fome vai bater e que você tem um lugar delicioso na região para escapar do lanchinho comum. São famosos por lá o sanduíche de mortadela (imenso!), o pastel de bacalhau e os estandes de frutas raras, queijos incríveis, carnes diferentes e temperos inimagináveis. O mezanino, onde ficam vários restaurantes, é um bom lugar para tirar fotos desse edifício inaugurado em 1933.

Farol Santander – Conhecido pelos paulistanos como o famoso Prédio do Banespa, o Edifício Altino Arantes reabriu suas portas no ano passado. O espaço renasceu com o objetivo de atrair as pessoas para o centro da cidade e conta com diversas atrações distribuídas por 18 dos 35 andares do edifício, que, por um longo período, foi a maior estrutura de concreto armado da América do Sul e, há 70 anos, é um ícone da capital paulista. Dentre as atrações, destaque para a pista de skate, os espaços para exposições e – claro – o famoso mirante! O Farol Santander está aberto de terça a sábado, das 9h às 20h, e aos domingos, das 9h às 19h. Os ingressos para a visita completa custam R$20 (inteira).

Sala São Paulo – Localizada na Praça Júlio Prestes, a Sala São Paulo é uma das mais modernas e bem equipadas salas de concerto do mundo. O local é a sede da Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo (http://www.osesp.art.br/). Inaugurada em 9 de julho de 1999, tem capacidade para 1.484 lugares e conta ainda com 22 camarotes.

Pinacoteca
Com uma coleção de 11 mil peças, a Pinacoteca é a mais antiga instituição cultural da cidade, dividida entre o prédio principal – no Parque da Luz – e a Estação Pinacoteca. Instalada desde 1905 num prédio assinado pelo escritório de Ramos de Azevedo, a Pinacoteca expõe a maior narrativa da história da arte em um só local: por ali, estão 700 obras espalhadas em 2 mil metros quadrados, com peças marcantes entre os séculos XVIII e XX, chegando até os anos 1970. Também são apresentadas mostras temporárias. No Jardim da Luz, localizado ao lado do prédio, estão esculturas do acervo, além de um restaurante e café.

RESTAURANTES

Em São Paulo a gastronomia é uma paixão Gastronomia riquíssima e diversificada. Isso é o que se encontra em São Paulo. A cidade reúne alguns dos melhores restaurantes da América Latina e do mundo, entre seus mais de 15 mil restaurantes e 20 mil bares. Há opções que atendem a todos os bolsos.
Confira algumas sugestões:
Maní (www.manimanioca.com.br)
Há mais de uma década em operação no Jardim Paulistano, o Maní foi fundado por dois chefs, a brasileira Helena Rizzo e o catalão Daniel Redondo. O conceito do restaurante partiu de uma ideia da modelo Fernanda Lima, amiga de Helena, que sentia falta de um lugar que oferecesse comida mais saudável e orgânica. É essa a proposta central do restaurante, que tem ambiente contemporâneo com uma pegada tropical. Entre os pratos do menu, estão o peixe no tucupi, a sopa fria de jabuticaba e ceviche de caju.
Onde fica: Rua Joaquim Antunes, 210 – Jardim Paulistano.
Telefone: (11) 3085-4148

D.O.M. (www.domrestaurante.com.br )
Do chef Alex Atala, o restaurante é especializado em comida brasileira, mas com um olhar contemporâneo. Seus pratos têm ingredientes tipicamente nacionais e pouco explorados na gastronomia, como pupunha, cupuaçu, jambu. O ambiente do restaurante, localizado no Jardins, mistura o clássico e moderno e inclui painéis com temas nacionais.
Onde fica: Rua Barão de Capanema, 549 – Jardim Paulista.
Telefone: (11) 3081-4599

Dalva e Dito – (http://dalvaedito.com.br)
O restaurante apresenta o conceito da gastronomia afetiva. A casa, idealizada pelo chef Alex Atala, é a concretização do sonho de oferecer cozinha brasileira dentro de um padrão internacional, preparada com a aprimorada técnica de baixas temperaturas e servida no clássico trabalho da brigada no salão. A vocação brasileira do Dalva e Dito é explicitada em seu cardápio, reforçando a crença do chef Alex Atala no ingrediente e na cultura nacional. A cozinha que o chef batiza de afetiva está presente. O menu reúne ao todo sete opções de entrada, destaque para língua com mandioca palha e o cuscuz paulista com camarões e salada.
Onde fica: Rua Padre João Manuel, 1115 – Jardins
Telefone: (11) 3068-4444

Pipo – (www.pipo.meitre.com)
A brasa, que fez a fama do chef Felipe Bronze na TV, é o carro-chefe na sua nova casa na capital paulista. O Pipo tem a maior parte das receitas com algum elemento preparado no enorme braseiro de cinco metros instalado no iluminado salão. Dos crudos à sobremesa. Instalado nos fundos do Museu da Imagem e do Som, o novo restaurante mescla as essências das duas casas de Bronze: o Oro, restaurante de vanguarda, titular de duas estrelas Michelin (único carioca), e o agora extinto Pipo carioca, que fechou as portas em dezembro. O primeiro pela presença da brasa, o segundo pela pegada casual.
Onde fica: Av. Europa, 158, Jardim Europa.
Telefone: (11) 3530-1760

Vista
De um lado está o Parque do Ibirapuera, do outro, o Obelisco, atrás, o Instituto Biológico e, do outro, a cozinha envidraçada. O Vista ocupa boa parte da cobertura do Museu de Arte Contemporânea, o MAC-USP. O restaurante tem todas as paredes envidraçadas – na verdade, são portas de vidro que se abrem deixando entrar o clima de ar livre do terraço, que circunda o salão projetado pelo escritório Prototype. A decoração contemporânea com móveis de linhas básicas, granilite e madeira completa o clima. O cardápio é enxuto, mas saboroso. São oito entradas, entre elas a porção de croquetes de pupunha, com recheio cremoso, crosta crocante e bem sequinha, servidos com maionese de pimenta de cheiro; bolinhos de siri; quiabos grelhados com maionese de dendê e farofa de camarão seco; carapau selado com leite de amendoim e azedinha.
Onde fica: Av. Pedro Álvares Cabral, 1.301, 8°andar
Telefone: (11) 97382-7261

TUJU (www.tuju.com.br)
O chef Ivan Ralston, filho dos donos do restaurante Ráscal, vem se destacando no cenário paulista com seu restaurante de cozinha contemporânea.
Onde fica: Rua Fradique Coutinho, 1248 -Vila Madalena.
Telefone: (11) 2691-5548

Skye Restaurante e bar (www.hotelunique.com.br/restaurante-bar-skye-hotel-unique-sao-paulojardins-pt.html)
Com um dos ambientes mais surpreendentes da cidade, o Skye, localizado no Hotel Unique, é ponto de encontro de estrangeiros e brasileiros que buscam um programa fora do convencional. O rooftop bar é um dos mais disputados de São Paulo, não só pelo bom cardápio, mas também pela linda vista. A piscina tem vidros transparentes e proporcionam linda visão para o bairro Jardim Paulista e Parque Ibirapuera. O público se divide em mesas e espreguiçadeiras, o que torna o ambiente perfeito para relaxar e curtir. Quem desejar ir um pouco além dos elaborados drinks poderá também optar pelo restaurante comandado pelo chef Emmanuel Bassoleil.
Onde fica: Av. Brigadeiro Luís Antônio, 4700 – Jardim Paulista .
Telefone: (11) 3055-4702

NAKKA – (www.restaurantenakka.com.br)
Restaurante japonês badalado no Itaim, com pratos super bem apresentados. É para quem gosta de japonês sofisticado e caprichado.
Onde fica: Rua Pedroso Alvarenga, 890 – Itaim Bibi.
Telefone: (11) 2594-2577

Quintal DeBetti – (https://www.debetti.com.br/quintal)
A localização discreta do Quintal DeBetti não impediu que pequenas multidões descobrissem o barrestaurante. Para encontrar o endereço dedicado ao churrasco, é necessário dirigir-se até o fim de uma rua sem saída num retorno da Marginal Pinheiros, que também abriga o bar Ilha das Flores. No fim de uma via estreita e em curva chega-se ao amplo espaço, com grandes mesas em frente a um casarão. Na afinação do negócio está o especialista em carnes Rogerio Betti, organizador do evento Churrascada e dono do açougue DeBetti Dry Aged, que fica por lá. É ele quem seleciona os cortes preparados em churrasqueiras a lenha e a carvão e servidos em tábuas para partilhar.
Onde fica: R. Curumins, 11 – Cidade Jardim
Telefone: (11) 3819-2229

Dicas de entretenimento

Divirta-se sem parar na noite paulistana A noite paulistana está entre as mais agitadas do Brasil e não é para menos: são muitos bares e baladas de diferentes estilos. Confira algumas opções de programas que podem ser curtidos durante o período da Expert XP 2019.

Show do Lulu Santos na Turnê PRA SEMPRE – Credicard Hall Dono de clássicos memoráveis, Lulu Santos sobe ao palco do Credicard Hall, com o seu novo projeto “Pra Sempre”. O show traz no repertório músicas de seu mais recente álbum, além dos maiores sucessos da longa carreira do artista que tem mais de 25 discos gravados.
Onde fica: Av. das Nações Unidas, 17.955 –  Santo Amaro
Data: 6 de julho
Horário: 22h
Preço: a partir de R$ 45
www.credicard.com.br

Espetáculo Senhor dos Anéis In Concert – Espaço das Américas
O Espaço das Américas recebe o cine concerto “O Senhor dos Anéis: A Sociedade do Anel In Concert” (The Lord of The Rings In Concert: The Fellowship of The Ring). É o primeiro filme da saga de Frodo e seus amigos. Sob a batuta do maestro Adriano Machado, 250 músicos da Orquestra Sinfônica Villa-Lobos vão interpretar ao vivo a trilha sonora de Howard Shore, vencedora do Oscar. E o longa-metragem será exibido em tela gigante de alta definição. Rogério Carvalho (Sócio, Head da Rede de Assessores), Guilherme Benchimol (Fundador e Ceo) e Gabriel Leal (Sócio, Head Comercial E Relacionamento com Clientes)
Onde fica: R. Tagipuru, 795 – Barra Funda
Datas: 6 e 7 de julho
Preço: De R$ 60 a R$ 400 (inteira)
www.espacodasamericas.com.br

Billy Elliot — O Musical – Teatro Alfa Se você chegar a São Paulo alguns dias antes da abertura da Expert XP 2019, poderá se programar para assistir ao espetáculo “Billy Elliot – O Musical”, no Teatro Alfa. O espaço fica bem ao lado do Transamerica Expo Center! Com músicas de Elton John, o enredo gira em torno de Billy, um menino que quer ser bailarino, mas luta contra a vontade do pai. A história acontece em meio ao conflito de sua família e comunidade, causado pela greve dos mineiros britânicos (1984-1985), em County Durham, no nordeste da Inglaterra. O roteiro do espetáculo foi inspirado no romance de A. J. Cronin, de 1035. O espetáculo tem versão brasileira de Mariana Elisabetsky e Victor Mühlethaler, direção de John Stefaniuk, direção musical de Daniel Rocha, coreografias de Peter Darling, cenografia de Michael Carnahan e figurinos de Ligia Rocha e Marco Pacheco.
Onde fica: Rua Bento Branco de Andrade Filho, 722 – Santo Amaro
Datas: A temporada vai até o dia 30 de Junho.
Preço: De R$ 75 a R$ 310
www.teatroalfa.com.br

Rey Castro
O Rey Castro é um local para os apaixonados pelo mundo latino. Uma mistura de bar, restaurante e balada, em que você pode desfrutar de um cardápio caribenho, muitos drinks, e também curtir os hits latinos.
Onde fica: R. Min. Jesuíno Cardoso, 181 – Vila Olímpia
www.reycastro.com.br

Sutton
Importada de Barcelona, a balada tem uma pista no topo de um prédio na região da Faria Lima, onde pessoas dançam ao som de música eletrônica e alguns flashbacks. A pista tem um teto repleto de LEDs coloridos e paredes de vidro, de onde se vê o céu paulistano. A casa também oferece jantar e happy hour, com pratos e porções de origem espanhola, como as croquetas de jamón. É necessário fazer reserva.
Onde fica: Av. Brigadeiro Faria Lima, 4509 – Itaim Bibi
www.suttonsaopaulo.com

Toy Room
O Toy Room tem unidades em Londres, Roma, Dubai e Mykonos. A filial paulistana ocupa um imóvel de dois andares na Alameda Lorena, com um restaurante japonês no térreo, o Toy Sushi – comandado pelo chef Anderson Haruo (uma estrela Michelin) – e um bar no andar de cima só para quem fizer reserva antecipada. Enquanto os DJs fazem a pista equipada com sistema de som Funktion One bombar com hip-hop, o urso de pelúcia Frank se diverte com as garotas, tirando selfies hilárias com seus looks em estilo pimp – com grossos colares de ouro -, como roqueiro ou como jogador da seleção brasileira de futebol. O responsável pelo Toy Room no Brasil é Roger Rodrigues.
Onde fica: Alameda Lorena, 1386
offthebox.com.br/toyroom/

Mirante 9 de Julho
O espaço localizado bem próximo do Masp tem happy hours gratuitos em sua programação às sextas. As festas organizadas são sempre com temáticas diferentes e costumam reunir o público descolado. O lugar ainda tem uma vista linda da avenida 9 de Julho.
Onde fica: Rua Carlos Comenale, s/n – Bela Vista
mirante.art.br/

Bar dos Arcos
Instalado no subsolo do icônico Theatro Municipal, no centro de São Paulo, o bar dos Arcos abriga um labirinto de mesas retro iluminadas, sem lugares marcados. Despojado e intimista, o local costuma ter grandes filas. Por isso, a dica é chegar cedo para garantir lugar.
Onde fica: Praça Ramos De Azevedo, s/n – República – subsolo do Theatro Municipal
www.facebook.com/bardosarcos/

Bar do Cofre
O subsolo do antigo Banco do Estado de São Paulo (Banespa), atual Farol Santander, esconde enorme cofre que vai abrigar uma disputada coleção etílica. Trata-se do SubAstor, bar comandado por Fábio La Pietra, que abre sua mais nova filial, o Bar do Cofre SubAstor. São três ambientes independentes, cada um com vida e estilo próprios. Não se assuste se Vito Corleone, ou outro personagem de O Poderoso Chefão, estiver sentado ao seu lado apreciando um drinque.
Onde fica: Rua João Brícola, 24, Centro (Farol Santander)
www.subastor.com.br/bardocofre