Edição nº 1142 14.10 Ver ediçõs anteriores

Descarte de vidro ganha um aliado

Descarte de vidro ganha um aliado

Embora produzido com elementos naturais, como a sílica, presente na areia das praias, o vidro leva quatro mil anos para se decompor e até um milhão para ser totalmente absorvido pela natureza. No Brasil, o descarte de embalagens de vidro pós-consumo é de aproximadamente 1,2 milhão tonelada por ano, estima a Associação Brasileira das Indústrias de Vidro (Abividro). Disso, 550 mil toneladas acabam parando em aterros sanitários. “O vidro é reciclável, mas tem baixo valor agregado”, diz Rodrigo Jobim, sócio-fundador da Molécoola. “A indústria recicladora paga em torno de R$ 0,20 por quilograma (kg), o que é praticamente o custo com a logística.” Para mudar esse cenário, a fabricante de embalagens de vidro Owens Illinois firmou uma parceria com o Instituto Ecozinha – iniciativa privada que conta com 46 associados, entre bares, restaurantes e hotéis – para desenvolver o gerenciamento de resíduos, permitindo com que os estabelecimentos com alto nível de descarte se adequem à Lei dos Grandes Geradores de Lixo. Localizado no Distrito Federal (DF), o Ecozinha disponibiliza bunkers com capacidade de até 800 kg para acomodar embalagens de vidro, sempre em locais próximos aos estabelecimentos parceiros.

(Nota publicada na Edição 1100 da Revista Dinheiro)


Mais posts

O impacto do vazamento de petróleo no nordeste

Depois de semanas em que o mundo se acostumou a ler notícias sobre as queimadas na Amazônia, a bola da vez é o mar brasileiro. Desde o [...]

Dias melhores na Kellogg

Para ajudar a combater a fome no País, a subsidiária brasileira da Kellogg doou, de janeiro a junho, 36,4 toneladas de alimentos para [...]

A jornada sustentável para marcas e clientes

Uma pesquisa realizada em parceria entre a Perception e a Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e [...]

A aposta ecológica da Tramontina

A marca centenária Tramontina resolveu expandir seus horizontes. Por meio de uma parceria com a Braskem, a empresa está colocando no [...]

O Brasil cada vez mais longe da meta

O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, tem reiterado que o Brasil está avançando a passos largos para cumprir suas metas em [...]
Ver mais