Edição nº 1088 21.09 Ver ediçõs anteriores

Desafio no ar

Desafio no ar

Os grandes conglomerados urbanos são pontos de altos índices de poluição atmosférica, com impactos que vão da degradação da qualidade do ar à influência do clima global. A emissão de gases poluentes do setor de transportes desempenha um papel determinante para isso. Porém, na região metropolitana de São Paulo, com uma frota de aproximadamente 8,8 milhões de carros, os vilões do meio ambiente são os veículos pesados, movidos a óleo diesel. Segundo uma pesquisa coordenada pelo Instituto de Física (IF) da Universidade de São Paulo, divulgado na revista Nature, ônibus e caminhões são responsáveis por 47% da concentração de compostos tóxicos na atmosfera, tais como benzeno, tolueno e material particulado. O resultado é preocupante, já que os veículos movidos a diesel representam apenas 5% da frota de carros na região. Para chegar a esse resultado, os cientistas mediram a quantidade de etanol, substância emitida apenas por veículos movidos a álcool ou gasolina, na atmosfera. Com isso, foi possível separar a contribuição real dos veículos leves e comparar com a poluição gerada pelos veículos mais pesados.

(Nota publicada na Edição 1080 da Revista Dinheiro)


Mais posts

Os vilões das praias

As sacolas e os canudos plásticos ganharam status de vilões dos mares por serem altamente nocivos ao meio ambiente. Mas à beira-mar o [...]

Cessar-fogo

A centenária marca de luxo britânica Burberry provocou a ira de ambientalistas ao reportar, em julho, que incinerou o equivalente a £ [...]

Chuva no Saara

Ninguém imagina, mas o árido e inóspito deserto do Saara, localizado no norte da África, já foi uma região de savanas e pradarias, com [...]

Economia da natureza

A busca pela compreensão da economia sob um viés ecológico é o pano de fundo da terceira edição do livro Economia do Meio Ambiente, [...]

Fim dos alpes suíços?

Ao compilar dados e imagens de satélite dos últimos 22 anos, os cientistas da Universidade de Genebra e do Programa da Organização das [...]
Ver mais
X

Copyright © 2018 - Editora Três
Todos os direitos reservados.

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicaçõs Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.