Política

Debate: no terceiro bloco, Doria e França se acalmam e discutem propostas

Após trocarem acusações e xingamentos durante os dois primeiros blocos, os candidatos ao governo do Estado baixaram os ânimos e passaram a discutir propostas de governo na terceira parte do debate promovido pela Band nesta quinta-feira, 18.

O bloco foi pautado por perguntas de jornalistas. Ao responder uma pergunta sobre educação, o tucano João Doria elogiou o ensino técnico promovido pelo Centro Paula Souza e prometeu aumento de salário para os professores do Estado.

Márcio França (PSB), quando perguntado sobre segurança pública, prometeu reabrir delegacias e disse que vai manter a proposta de separar as polícias na organização do Estado, elevando o orçamento delas.

O atual governador, que foi vice de Geraldo Alckmin (PSDB), disse ainda que o Primeiro Comando da Capital (PCC) foi criado durante o governo tucano no Estado.

Doria, por sua vez, prometeu que vai colocar um membro da polícia para chefiar a Secretaria de Segurança Pública e defendeu um novo modelo de gestão para os presídios, inspirado em uma experiência do governo de Minas Gerais, onde “não entra celular”.

Em relação à saúde, Doria prometeu levar o programa Corujão da Saúde a todo o Estado.

Veja também

+ Receita abre consulta a segundo lote de restituição de IR, o maior da história
+ Homem encontra chave de fenda em pacote de macarrão
+ Baleias dão show de saltos em ilhabela, veja fotos!
+ 9 alimentos que incham a barriga e você não fazia ideia
+ Modelo brasileira promete ficar nua se o Chelsea for campeão da Champions League
+ Cuide bem do seu motor, cuidando do óleo do motor
+ 12 dicas de como fazer jejum intermitente com segurança