Economia

Danone converterá participação na Mengniu como processo de venda de ativo

A Danone anunciou neste domingo, 28, que vai converter uma participação indireta de 850 milhões de euros que tem na chinesa Mengniu em direta, passando a deter 9,8% do capital social da empresa, um primeiro passo para desinvestir o ativo, segundo a multinacional francesa.

“A venda pode acontecer em 2021 via uma ou várias transações, dependendo das condições de mercado”, diz a Danone, em nota.

A companhia do setor de alimentos e laticínios fala que, ao completar a venda, o dinheiro levantado será retornado aos seus acionistas via um programa de recompra de ações. “A China permanece como altamente estratégica para a Danone. A companhia tem um forte compromisso com o país via várias categorias, operações e empregados.”



Veja também
+ Até 2019, havia mais gente nas prisões do que na bolsa de valores do Brasil
+ Geisy reclama de censura em rede social: “O Instagram tá me perseguindo”
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Nicole Bahls já havia sido alertada sobre infidelidade do ex-marido
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Chef playmate cria receita afrodisíaca para o Dia do Orgasmo
+ Mercedes-Benz Sprinter ganha versão motorhome
+ Anorexia, um transtorno alimentar que pode levar à morte
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago