Economia

Cyrela: Cury pede à CVM retomada do processo de registro para emissão de ações

A Cury Construtora e Incorporadora, da qual a Cyrela é acionista, pediu à Comissão de Valores Mobiliários (CVM) a retomada do processo de registro da companhia como emissora de valores mobiliários de categoria A, ou seja, habilitada a fazer oferta de ações. Além disso, a Cury apresentou neste sábado (25) pedido de listagem no segmento Novo Mercado da B3. A Cyrela vai participar da oferta como vendedora.



A Cury foi constituída em 2007, como uma joint venture entre a Cyrela e a Cury Empreendimentos, com o objetivo de atuar principalmente no segmento Minha Casa, Minha Vida em São Paulo e Rio de Janeiro. A Cyrela tem atualmente 48,25% do capital da Cury, o que representa pouco mais de 2% do seu patrimônio líquido.


Veja também
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Vídeo: Motorista deixa carro Tesla no piloto automático e dorme em rodovia de SP
+ Vale-alimentação: entenda o que muda com novas regras para benefício
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Descoberto na Armênia aqueduto mais oriental do Império Romano
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Passageira agride e arranca dois dentes de aeromoça
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Lago Superior: a melhor onda de água doce do mundo?



Tópicos

Cury Cyrela registro