Economia

Credores da dívida argentina mostram contraposta para renegociação dos passivos

Duas associações de credores privados da dívida argentina informaram hoje que apresentaram, na última quarta-feira, uma contraproposta para a reestruturação dos passivos soberanos do país. Segundo comunicado, o texto tem apoio de mais de 30% dos detentores dos títulos. Mais detalhes devem ser divulgados ainda nesta sexta-feira, 29.

Os grupos – Argentine Exchange Bondholder Group e Ad Hoc Argentine Bondholder – afirmam que a proposta apresenta termos mais favoráveis à Argentina do que as anteriores e leva em conta os desafios fiscais e econômicos surgidos diante da crise provocada pelo coronavírus. Os bônus no centro das negociações foram emitidos em 2010 e 2015.

O governo argentino está em situação de default técnico por não ter pago US$ 503 milhões em juros que venceram na semana passada.

A Casa Rosada já informou que não tem capital para pagar a dívida de US$ 65 bilhões e tem tentado, até agora sem sucesso, negociar com os credores. Após várias prorrogações, o prazo para o fim das conversas foi estendido até a próxima terça-feira.

Veja também

+ Receita abre consulta a segundo lote de restituição de IR, o maior da história
+ Homem encontra chave de fenda em pacote de macarrão
+ Baleias dão show de saltos em ilhabela, veja fotos!
+ 9 alimentos que incham a barriga e você não fazia ideia
+ Modelo brasileira promete ficar nua se o Chelsea for campeão da Champions League
+ Cuide bem do seu motor, cuidando do óleo do motor
+ 12 dicas de como fazer jejum intermitente com segurança