Giro

Covid-19: China aprova medicamento antiviral oral da Pfizer

Crédito: Reprodução/Divulgação

O Paxlovid, já autorizado nos Estados Unidos e em outros países, reduz o risco de hospitalização ou morte em cerca de 90% (Crédito: Reprodução/Divulgação)



A China aprovou a utilização em determinadas condições do medicamento anticovid-19 do grupo norte-americano Pfizer, segundo a Administração dos produtos médicos chinesa. Comercializado sob o nome Paxlovid, este antiviral oral vai ser usado para tratar doentes em risco de desenvolver uma forma grave de covid, acrescentou o comunicado. A Pfizer também tem de continuar os estudos sobre o medicamento e apresentar os resultados, relatou.

O Paxlovid, já autorizado nos Estados Unidos e em outros países, reduz o risco de hospitalização ou morte em cerca de 90%, quando comparado com um placebo usado em doentes de alto risco, nos primeiros cinco dias depois de surgirem sintomas. Em janeiro, a farmacêutica Pfizer garantiu que os estudos realizados em laboratório para este tratamento demonstraram que o Paxlovid é também eficaz contra a variante Ômicron do vírus SARS-CoV-2.

A decisão surgiu durante os Jogos Olímpicos de Inverno que acontecem em Pequim e o país, que não autorizou até agora qualquer vacina estrangeira contra a covid-19, regista alguns pequenos focos esporádicos de contaminação.

A China aplica, desde o início da pandemia, uma estratégia de “zero casos covid”, que consiste em limitar a ocorrência de novos casos, geralmente de apenas algumas dezenas por dia. Todos os participantes estrangeiros nos Jogos, que ocorrem até o dia 20 deste mês, são mantidos numa ‘bolha sanitária’, evitando contatos com a população local. Esta bolha vai ser prolongada até aos Jogos Paralímpicos de Inverno, entre 04 e 13 de março.

Aos não vacinados, foi exigida uma quarentena de 21 dias à chegada a Pequim.








Tópicos

anticorpo anticorpo monoclonal anticorpos contra a covid Anvisa artigos científicos ARTRITE AstraZeneca astrazeneca vacina vencida Brasil casos cidade de São Paulo ciência cigarro eletrônico cigarro eletrônico sintomas covid como consigo vitamina D? consórcio coronavac coronavírus Covid-19 Delta Delta B.1.617.2 doses diferentes Empresas aplicando vacinas Epidemia estudo estudos científicos estudos científicos covid-19 forma grave Galilee Medical Center Importância vitamina D no corpo imprensa Israel israel restrições janssen janela de imunização janssen período de proteção janssen precisa de mais uma doze lista de medicamentos lista de pré-qualificação da OMS lista oficial lista oficial de medicamentos lote contaminado mandemia balanço mundo medicamentos MODERNA Nature nível saudáveis de vitamina D nova onda nova variante da covid-19 Número de óbitos o que é resposta imune? OMS organização mundial da saúde Organização Mundial de Saúde oxigênio países em desenvolvimento pandemia pandemia balanço brasil pandemia balanço mundo pesquisas científicas Pfizer pfizer 3ª dose pra que tomar 3ª dose? pré-qualificação prefeitura Public Library of Science quais os sintomas da nova variante delta quais os sintomas da variante delta? qual vacina precisa de 3ª dose? Qual vacina protege contra variante delta? Qual vacina protege contra variante indiana? remédio remédio para artrite resposta imune resposta imune Delta Plus resposta imune variante delta resposta imune variante Gamma revista Nature Rio de Janeiro Roche segunda dose SRAG suplementação Suplementação vitamina D suplementos vitamínicos covid-19 suspensão Suspensão primeira dose tocilizumab vacina vacina 3ª dose vacinação balanço brasil vacinação cruzada vacinas balanço 2021 vaper variante delta variante P.1 variante P1 variantes Variantes Covid-19 vitamina d vitamina D ajuda na covid vitamina D Caminhada Vitamina D covid Vitamina D covid casos graves vitamina D covid morte Vitamina D estudo universidade Bar-Ilan Vitamina D estudo USP vitamina D fake news vitamina D parque vitamina D preço Vitamina D sol xepa