Economia

Contribuição do MEI é reajustada em fevereiro; confira o novo valor

Crédito: Marcello Casal Jr/Agência Brasil

Contribuição da DAS-MEI subiu para R$60,60 (Crédito: Marcello Casal Jr/Agência Brasil)



Com o salário mínimo subindo de R$1.1100 para R$1.212, a contribuição do Microempreendedor Individual (MEI) para o INSS, chamado de Documento de Arrecadação Simplificada (DAS), vai subir para R$60,60. 

O valor é correspondente a 5% do salário mínimo e já está valendo para boletos que vão vencer no próximo dia 20 de fevereiro. Atualmente existem mais de 13 milhões de MEI no Brasil.   

+Vacinação de criança contra Covid é obrigatória? Entenda

O DAS tem custo fixo, que varia de acordo com o setor de atuação do MEI. O valor mensal ainda inclui mais R$ 5 de ISS para o Município, se a atividade for serviço, ou R$ 1 de ICMS para o Estado, se for comércio ou indústria.




Para efetuar o pagamento da DAS de forma virtual, basta acessar o Portal do Empreendedor. O boleto pode ser gerado até o dia 20 de cada mês. É possível pagar de forma online ou imprimir o guia para o pagamento a agência bancária. 

Outra possibilidade é o cadastro no débito automático. Nesse caso o contribuinte deve possuir conta corrente em qualquer banco conveniado.

No portal também é possível gerar boletos em atraso para pagamento. Basta entrar na sessão “pagamento de contribuição mensal” e acessar a opção “boleto de pagamento”. Após isso, coloque o número do seu CNPJ, informe o ano e clique em OK. Selecione os meses que deseja pagar e informe a data em que o pagamento será realizado e clique em “apurar/gerar DAS” ou “pagar online.