Economia

Congresso vai aprovar texto aperfeiçoado da reforma, diz Marinho

O secretário especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, Rogério Marinho, voltou a admitir que o Congresso deverá aprovar a reforma da Previdência, mas não o texto original encaminhado pelo governo. “Tenho convicção que será aprovado, não o texto que o governo mandou, mas o texto aperfeiçoado pelo parlamento, com o impacto fiscal que nós esperamos”, disse o secretário durante fórum da Associação Brasileira de Infraestrutura e Indústrias de Base (Abdib), em Brasília.

Na Câmara, parlamentares dizem que o Congresso irá encabeçar a reforma da Previdência promovendo alterações na proposta elaborada pela equipe econômica.

De acordo com o secretário, o governo deverá anunciar “imediatamente” depois da reforma da Previdência outras mudanças, como desoneração da folha de pagamentos, reestruturação do sistema tributário e um novo pacto federativo.

Veja também

+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel