Economia

Confira os pontos positivos e detalhes do Pix para a sua empresa

Crédito: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O Pix vai ajudar os comerciantes a receberem dinheiro no mesmo instante da compra, favorecendo o fluxo de caixa das empresas (Crédito: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Com o Pix, novo sistema de pagamentos instantâneos do Banco Central, todo o ambiente de negócios do Brasil deve ser diretamente favorecido, principalmente para quem é microempreendedor individual (MEI). Com ele, as pessoas físicas e jurídicas poderão realizar transações financeiras de forma mais ágil, 24 horas por dia, inclusive aos finais de semana e feriados, com o dinheiro caindo na conta em até 10 segundos.

Segundo a FecomercioSP, pequenas e médias terão uma mudança direta em relação ao Pix no que corresponde ao fluxo de caixa. Isso porque o dinheiro estará disponível na conta imediatamente e sem a intermediação dos bancos. Em resumo, as empresas terão acesso ao dinheiro aos finais de semana e após o expediente bancário.

+ Pix: 9 coisas que você tem de saber antes de se cadastrar
+ Saiba para onde correr se o seu banco aumentar tarifas após o início do Pix
+ 11 dicas de como tirar proveito do Pix na Black Friday

Para os bancos tradicionais e fintechs, em guerra pelo cadastro das chaves dos clientes, acontecerá uma diminuição da concentração de serviços, fazendo com que quem se beneficie com isso sejam os consumidores.

Uma vez que essas instituições comecem a buscar mais espaço no mercado para voltarem a lucrar com os clientes, elas terão de inovar em seus produtos e diminuir os custos atuais para a realização de negócios.

Veja a seguir alguns pontos destacados pela Fecomercio para quem é MEI e vai aderir ao Pix.

Detalhes do Pix para os MEIs

Cadastre suas chaves em um banco: O primeiro passo é fazer o cadastro das chaves Pix da empresa por meio da instituição bancária na qual se tem conta. Esta opção já está disponível nos aplicativos e no internet banking das instituições desde o último dia 5.

O lançamento oficial do Pix ocorrerá no dia 16 de novembro. Uma vez cadastradas as chaves, a partir desta data, a empresa terá como oferecer ao seu consumidor, principalmente pelo celular, mas também em seu site, três formas de pagamento: criando um QR Code (que pode ser estático ou dinâmico), enviando um link de pagamento para o consumidor finalizar a transação ou emitindo uma chave de endereçamento.

Vale lembrar que o cadastro das chaves pode ser feito de forma estratégica, onde você pode registrar o CPF em uma conta do banco “X”, o e-mail no banco “Y” e o QR Code na fintech “N”. Uma vez cadastrada a chave, ela não pode ser registrada em outra instituição, a não ser que você retire o cadastro e migre para outro lugar.

QR Code: a grande diferença entre os QR Code dinâmico e estático está no número de transações que podem ser realizadas. O estático pode ser usado para diversos pagamentos de um mesmo valor, enquanto o dinâmico vale para apenas uma única transação, já que permite apresentar informações diferentes para cada transação.

Link de pagamento: já bastante utilizado pelas fintechs, a experiência é parecida à do QR Code, no entanto, em vez de criar um código, o recebedor fornece ao pagador um link que, quando acessado, processa imediatamente o pagamento.

Chave de endereçamento: neste formato, a maior parte do processo é realizada pelo pagador, que utilizará os dados do seu cadastro no PIX (como telefone, CPF/CNPJ ou e-mail) para autenticar os pagamentos.

Saques nas lojas: está previsto para o segundo semestre de 2021 a possibilidade de saques nas lojas. Esses critérios ainda serão definidos pelo Banco Central, mas o mecanismo funcionará da seguinte forma: o estabelecimento terá um QR Code dinâmico, no qual o consumidor vai apontar a câmera do celular para o código e transferir um valor correspondente ao quanto quer sacar. Assim que a transferência for concluída, o comerciante repassa os valores ao cliente em dinheiro vivo.

É possível que esse valor seja taxado, mas é uma opção a mais de saque para o consumidor.

Menor desistência nas compras digitais: outro ponto interessante para os comerciantes será a menor possibilidade de desistência nas compras digitais, já que com o pagamento do boleto bancário os clientes podem acabar desistindo no meio do caminho. Com o Pix, a transferência é automática e evita dúvidas.

Veja também

+ Sandero deixa VW Polo GTS para trás em comparativo
+ Veja os carros mais vendidos em outubro
+ Grave acidente do “Cake Boss” é tema de reportagem especial
+ Ivete Sangalo salva menino de afogamento: “Foi tudo muito rápido”
+ Bandidos armados assaltam restaurante na zona norte do RJ
+ Mulher é empurrada para fora de ônibus após cuspir em homem
+ Caixa substitui pausa no financiamento imobiliário por redução de até 50% na parcela
+ Teve o auxílio emergencial negado? Siga 3 passos para contestar no Dataprev
+ iPhone 12: Apple anuncia quatro modelos com preço a partir de US$ 699 nos EUA
+ Veja mudanças após decisão do STF sobre IPVA
+ T-Cross ganha nova versão PCD; veja preço e fotos
+MasterChef: competidora lava louça durante prova do 12º episódio’
+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil
+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados
+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020
+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea
+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

Tópicos

app pix banco central Banco Banco Central Banco Original bancos BC cadastrar pix chave chave pix chave pix caixa chave pix em mais de um banco chave pix itau chave pix nubank chaves pix como cadastrar o pix no banco do brasil como fazer transferencia pelo pix como fazer um pix como funciona a chave pix como funciona o pix bradesco como funciona o pix itau como funciona o pix no caixa tem como pagar pelo pix como receber o pix como transferir via pix como usar o pix como usar o pix bradesco como usar o pix caixa como usar o pix do caixa tem como usar o pix na caixa como usar pix como usar pix caixa tem conta corrente criptografia DOC entenda o pix Fecomércio fraude no pix golpe do pix golpe no pix guerra das chaves itau fora do ar MEI o pix sera cobrado o pixlr é gratuito o q é pix caixa o que chave pix o que é chave pix bradesco o que é chave pix caixa o que é o pix o que é o pix do banco central o que é o pix do banco do brasil o que é o pix e como funciona o que é pics o que é pix banco do brasil o que e pix itau o que é pix no nunbank o que é pix? O que os bancos ganham com o pix o que significa a sigla pix o que significa pix banco central oq é o pix oque e o pix oque e pix oque significa pix pagamento pix como funciona para que serve a chave pix para que serve chave pix Pequenas e Médias Empresas pequenas empresas pic PicPay pis cadastro pis é pago PIX pix banco pix bancos pix bb custo pix bradesco como funciona pix bradesco tem custo pix caixa pix cobra taxa Pix é grátis pix especial Santander pix fraude pix já está funcionando pix na caixa econômica pix no mundo pix picpay pix portabilidade de chaves pix Santander como funciona pix sera cobrado pix Sicredi PME PMs pode cadastrar o pix em mais de um banco portabilidade chave pix portabilidade pix posso cadastrar a chave pix em mais de um banco propaganda bradesco pix propaganda do bradesco pix quando começa o pix quando o pix vai funcionar quantas chaves pix posso ter quanto custa o pix que é pix receita sistema pix de pagamentos tarifas tarifas bancárias taxa do pix taxas TED transferência bancária tudo sobre o pix