Giro

Com o frio, Rio monta postos para atendimento à população vulnerável

Por conta do frio intenso que atingiu a capital fluminense, a prefeitura do Rio montou dois postos de atendimento à população vulnerável. Os equipamentos vão funcionar 24 horas e vão oferecer alimentação, água e agasalhos.

Os postos ficarão responsáveis ainda pelo encaminhamento das pessoas para os 14 Centros de Referência Especializado de Assistência Social (Creas). Foram criadas mais cem vagas nos três principais abrigos da cidade: na Taquara, Ilha do Governador e Paciência.

A secretaria de assistência social também recomeçou a Campanha do Agasalho, que já distribuiu mais de um tonelada de roupas de inverno nos abrigos da prefeitura. A população do Rio poderá depositar suas doações nos Creas espalhados pela cidade. As caixas itinerantes que estavam nas estações do BRT estão sendo colocadas nos dois prédios da prefeitura, na Cidade Nova, para que funcionários também possam doar.

A previsão é de temperaturas baixas até o final de semana.



 

 

*Estagiário sob a supervisão de Mario Toledo

Veja também
+ Até 2019, havia mais gente nas prisões do que na bolsa de valores do Brasil
+ Geisy reclama de censura em rede social: “O Instagram tá me perseguindo”
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Nicole Bahls já havia sido alertada sobre infidelidade do ex-marido
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Chef playmate cria receita afrodisíaca para o Dia do Orgasmo
+ Mercedes-Benz Sprinter ganha versão motorhome
+ Anorexia, um transtorno alimentar que pode levar à morte
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago