Giro

Com gol no fim, Vitória elimina Altos e segue na Copa do Nordeste

O Vitória sofreu, mas se classificou às semifinais da Copa do Nordeste. Neste sábado (17), o Rubro-Negro derrotou o Altos por 2 a 1 no Barradão, em Salvador, e aguarda quem avançar no confronto entre Ceará e Sampaio Corrêa, que se enfrentam neste domingo (18), às 16h (horário de Brasília), na Arena Castelão, em Fortaleza.

O jogo que decidirá vaga na final será no próximo sábado (24), em horário a ser definido pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF). A outra semifinal, também no sábado que vem, reúne Bahia e Fortaleza. O Esquadrão de Aço passou pelo CRB, enquanto o Leão do Pici eliminou o CSA.

+ Jaguar Land Rover: a luta contra a falta de confiança dos consumidores

O Altos assustou primeiro, aos dez minutos. Após escanteio batido pelo lateral Tiaguinho, o volante Dos Santos desviou no travessão. Mas quem balançou as redes foi o Vitória. Aos 21 minutos, David cruzou pela esquerda e o também atacante Samuel abriu o placar de cabeça. A resposta do Jacaré foi rápida. Quatro minutos depois, Tiaguinho cobrou falta, o goleiro Ronaldo deu rebote e o atacante Lucas Campos completou para as redes vazias.

O Leão voltou melhor para o segundo tempo. Aos seis minutos, o meia Alisson Farias acertou a trave em chute da entrada da área. À medida que a etapa transcorreu, o nível técnico do jogo caiu, com poucas oportunidades. Até que aos 44 minutos, o meia Eduardo recebeu na entrada da área, ajeitou na canhota e acertou o ângulo do goleiro Mondragon, garantindo a classificação rubro-negra à semifinal.

 

Veja também

+ Carreira da Década - Veja como ingressar na carreira que faltam profissionais, mas sobram vagas
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel