Por que o carro não é mais um investimento

Comprar um automóvel no Brasil significa investir grande quantia de dinheiro num bem que fica 90% do tempo parado, desvaloriza a cada dia, tem altas taxas de propriedade, cobra caro pela manutenção e utilização, oferece risco no uso e ainda polui o ambiente


Sobre o autor

Sergio Quintanilha é redator-chefe da revista Motor Show. Atua na imprensa automotiva desde 1989. Twitter: @QuintaSergio