Giro

Coágulos após vacina AstraZeneca afetam mais jovens e são perigosos, dizem cientistas

Crédito: Reprodução/Pexels

Embora raros, os coágulos sanguíneos causados pela primeira dose da vacina AstraZeneca possuem alto risco de morte em jovens, inclusive saudáveis (Crédito: Reprodução/Pexels)

Um novo estudo revela que, embora sejam extremamente raros, os coágulos sanguíneos causados pela primeira dose da vacina Oxford-AstraZeneca possuem alto risco de morte em jovens, inclusive saudáveis.

Como mostra o jornal britânico The Guardian, em pessoas com menos de 50 anos, a reação adversa grave ocorre em uma a cada 50.000 pessoas que receberam o imunizante, e essa probabilidade cai para uma em 100.000 a partir dos 50 anos.



+ Chile decide restringir AztraZeneca a maiores de 45 anos

Mas o risco de coágulos sanguíneos é muito maior em vítimas da covid-19. Conforme o periódico, mais de um quinto dos pacientes hospitalizados com coronavírus apresentam evidências de coágulos no sangue.

No estudo publicado na última quarta (11/8) no jornal científico The New England Journal of Medicine, os pesquisadores examinaram 220 casos confirmados e prováveis em hospitais do Reino Unido entre 22 de março e 6 de junho.

+ Especialista revela o segredo dos bilionários da bolsa. Inscreva-se agora e aprenda!


“É importante enfatizar que esse tipo de reação à vacina Oxford-AstraZeneca é muito rara. Mas para aqueles que desenvolvem coágulos sanguíneos, os resultados podem ser devastadores. Frequentemente, afeta jovens e saudáveis receptores de vacinas e tem alta taxa de mortalidade. É particularmente perigosa quando o paciente apresenta baixa contagem de plaquetas e sangramento no cérebro”, afirma a hematologista Sue Pavord, da Universidade de Oxford, no Reino Unido, uma das autoras do estudo, citada pelo The Guardian.

Os pesquisadores descobriram que a chamada síndrome de trombose-trombocitopenia matou 23% dos pacientes analisados. Esse risco de morte aumenta para 73% em pessoas com contagem de plaquetas muito baixa e sangramento após coágulos no cérebro.


Como mostra o jornal britânico, essa síndrome é semelhante à condição que costuma ser relatada por pacientes tratados pelo anticoagulante heparina, mas parece ser mais agressiva após o imunizante da AstraZeneca.

Nos 220 casos confirmados e prováveis da síndrome trombose-trombocitopenia, as idades variaram de 18 a 79 anos (em média 48). Cerca de 85% tinham menos de 60 anos, apesar de grande parte da população idosa ter sido vacinada no Reino Unido.

Mas isso não significa que a vacina Oxford/AstraZeneca não deve ser dada a menores de 60 anos, alerta o jornal.

“Se houver alta prevalência de covid-19, mais pessoas provavelmente acabarão em estado crítico e, se tiverem mais de 60 anos, haverá maior probabilidade de morte. Nesse caso, faz sentido dar Oxford-AstraZeneca a todos. Mas quando há uma prevalência mais baixa de covid, um limite de idade seria apropriado”, comenta Sue Pavord ao The Guardian.



Tópicos

2020 paism a vacina astrazeneca é segura? A vacinação está lenta? agendamento vacina vitoria animais coronavírus animais podem passar coronavírus apos a vacina do covid pode beber apos tomar a vacina pode beber cerveja AstraZeneca astrazeneca eficácia astrazeneca suspensão astrazeneca trombose aztrazeneca coágulos Fiocruz BioNTech Brasil possui neste momento vacina para aplicar em toda a população? calendario vacina covid curitiba capitais vacinação casos coágulo astrazeneca coágulo coágulo astrazeneca coágulo idade coágulo vacina coágulos coágulos vacina pfizer colapso da saúde Com a chegada de mais vacinas como curar trombose nas pernas como faço para me vacinar? comorbidades para vacina covid coronavírus cura Covid variantes crise vacinação de onde é a vacina astrazeneca diretrizes e objetivos pnaism efeitos colaterais estatísticas da vacina contra coronavírus falta de doses falta vacina farmacêuticas feminização da saúde paism FNP Frente nacional de prefeitos imunizantes brasil Johnson & Johnson Johnson & Johnson coágulos suspensão Ministério da Saúde MODERNA moderna uso pediátrico mortes covid brasil mulheres mulheres vacina Mutações covid Brasil mutações SP o Brasil tem dose pra vacinar todo mundo o que é trombose o que é variante? Oxford pandemia pandemia quantos já morreram? pets hospedeiros pfiser dose de reforço pfiser terceira dose Pfizer pfsizer 3ª dose pnaism objetivos pode beber antes da vacina pode beber depois da vacina covid pode tomar cerveja depois da vacina do covid pode vacinar crianças? política nacional de atenção integral à saúde do homem pool de farmacêuticas por que a astrazenaca dá coágulo? por que faltam vacinas? posso beber depois de tomar vacina do covid quais empresas fazem vacina? quais os sintomas de trombose na perna quais vacinas estão no brasil qual a eficácia da vacina astrazeneca? qual é a melhor vacina? quando a vacina pfizer chega ao Brasil? Quando o cronograma será ampliado? quantas farmacêuticas produzem vacina? quantas vacinas o Brasil tem? quantas vacinas tem no brasil? quantas variantes tem no Brasil quantos casos de coágulo por vacina? reacao vacina gripe reacoes da vacina coronavac relatos coágulos saiba como entrar na fila da vacinação saiba como se ibnscrever para se vacinar Sanofi saúde feminina ginecologia paism sintomas de trombose nas pernas site vacinação tomei vacina posso beber trombose trombose astrazeneca trombose vacina chile uma pessoa poderá receber doses de fabricantes diferentes? vacina vacina covid vacina covid pode beber vacina doses mutações vacina já sp gov br vacina janssen vacina oxford efeitos colaterais vacina Pfizer vacina pfizer é melhor que as outras? vacina pfizer eficácia vacina pfizer estudo israelence vacina pfizer israel vacina pfizer quantas doses vacina refrigeração vacinação vacinação araraquara vacinação cuiaba vacinação curitiba vacinação fevereiro vacinação paralisada vacinação passo a passo vacinação salvador vacinação são paulo vacinas vacinas qual a melhor? Hospedeiros variante da índia variante da Tanzânia variante indiana