Economia

Cingapura terá máquinas de distribuição de máscaras pela cidade

Crédito: Reprodução/Twitter Razer

Terminais da Razer são parecidos com pontos de venda de alimentos e bebidas nos metrôs de São Paulo (Crédito: Reprodução/Twitter Razer)

Os moradores de Cingapura poderão pegar de graça máscaras de proteção em máquinas móveis, como aquelas onde compramos bebidas e salgadinhos nos metrôs de São Paulo.

A Razer anunciou esta semana que distribuirá aproximadamente cinco milhões de máscaras cirúrgicas gratuitamente para os maiores de 16 anos e outros vinte terminais de venda serão posicionadas em shoppings e centros de trabalho ao redor do distrito comercial de Cingapura.

+ G20 promete evitar barreiras comerciais ‘inúteis’ pelo coronavírus
+ Dois estudos atestam ineficácia de hidroxicloroquina contra o coronavírus

Segundo o Mashable, as pessoas poderão digitalizar um QR code pelo aplicativo de pagamento da marca, o Razer Pay, e retirar a máscara.



Cingapura possui uma população em torno de 5,7 milhões. Com isso, a proposta da Razer deve atender praticamente todas as pessoas da região. Quem desobedecer a regra de andar usando máscara na rua terá de pagar uma multa de US$ 300.

O governo forneceu máscaras a todos os moradores do país e também vai adotar a regra de criar centros de distribuição como o Razer fez.

Veja também
+ Até 2019, havia mais gente nas prisões do que na bolsa de valores do Brasil
+ Geisy reclama de censura em rede social: “O Instagram tá me perseguindo”
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Nicole Bahls já havia sido alertada sobre infidelidade do ex-marido
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Chef playmate cria receita afrodisíaca para o Dia do Orgasmo
+ Mercedes-Benz Sprinter ganha versão motorhome
+ Anorexia, um transtorno alimentar que pode levar à morte
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago