Economia

China revela detalhes de medidas para estimular consumo doméstico

A Comissão Nacional de Desenvolvimento e Reforma da China revelou nesta terça-feira, 29, detalhes do plano para estimular o consumo no mercado interno neste ano, após a desaceleração do crescimento da economia do país em 2018.

O plano prevê subsídios à infraestrutura para veículos que não utilizam combustíveis fósseis e estímulos às vendas de automóveis na área rural do país, onde há grande potencial de consumo.

Segundo a Comissão, o esfriamento do mercado automotivo foi o principal motivo para a desaceleração das vendas no varejo no ano passado.

A China também vai subsidiar consumidores para que troquem eletrodomésticos e utilidades domésticas por novos produtos.

Veja também

+ Funcionário do Burger King é morto por causa de demora em pedido

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020

+ Bolsonaro veta indenização a profissionais de saúde incapacitados pela covid-19

+ Nascidos em maio recebem a 4ª parcela do auxílio na quarta-feira (05)

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?