Economia

China injeta 498 bilhões de yuans por meio de linha de crédito de médio prazo

O Banco do Povo da China (PBoC, na sigla em inglês) informou que injetou 498 bilhões de yuans (US$ 75,5 bilhões) no sistema bancário do país nesta sexta-feira por meio de uma linha de crédito de médio prazo. A medida é tomada para fortalecer a liquidez do sistema financeiro.

Em breve comunicado, o PBoC disse em seu site que a linha de crédito tem uma taxa de juros de 3,2% e vencimento em um ano. Tanto a taxa quanto o vencimento são os mesmos de operações anteriores. O banco central também disse que não realizou leilões de recompra reversa nesta sexta-feira. Fonte: Dow Jones Newswires.

Veja também
+ Até 2019, havia mais gente nas prisões do que na bolsa de valores do Brasil
+ Geisy reclama de censura em rede social: “O Instagram tá me perseguindo”
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Nicole Bahls já havia sido alertada sobre infidelidade do ex-marido
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Chef playmate cria receita afrodisíaca para o Dia do Orgasmo
+ Mercedes-Benz Sprinter ganha versão motorhome
+ Anorexia, um transtorno alimentar que pode levar à morte
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago