Economia

China faz injeção de US$ 15,5 bi no sistema financeiro, de olho em Evergrande

Crédito: AFP/Arquivos

Entrada do Evergrande em Hong Kong, 6 de agosto de 2021 (Crédito: AFP/Arquivos)

O Banco do Povo da China (PBoC, o BC chinês) injetou 100 bilhões de yuans (quase US$ 15,5 bilhões) em recursos no sistema financeiro chinês através de operações de recompra reversa de 14 dias nesta segunda-feira, 27, segundo comunicado divulgado no site do PBoC, em mais uma tentativa de manter a liquidez do sistema bancário em meio a preocupações com as dificuldades financeiras da gigante do setor imobiliário chinês Evergrande.



+Filial de gigante chinesa em crise Evergrande tem queda de 10% na Bolsa

Neste mês, o PBoC intensificou as injeções de capital diante de crescentes sinais de insolvência da Evergrande. Na quinta-feira (23), uma subsidiária da empresa falhou em honrar o pagamento de juros sobre bônus externos. Desde a semana passada, circulam relatos de que o governo chinês irá reestruturar a Evergrande e estatizá-la.


Veja também
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Vídeo: Motorista deixa carro Tesla no piloto automático e dorme em rodovia de SP
+ Vale-alimentação: entenda o que muda com novas regras para benefício
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Descoberto na Armênia aqueduto mais oriental do Império Romano
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Passageira agride e arranca dois dentes de aeromoça
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Lago Superior: a melhor onda de água doce do mundo?