Ciência

China alerta sobre doença mais mortal que covid-19 no Cazaquistão e país refuta

Crédito: Pexels

A imprensa na China relatou sobre a doença hoje (10) e alguns médicos especialistas chineses não descartaram a possibilidade (Crédito: Pexels)

As autoridades cazaques refutaram as reportagens da mídia chinesa sobre uma “pneumonia desconhecida”, que seria mais mortal que a covid-19. A imprensa na China relatou sobre a doença hoje (10) e alguns médicos especialistas chineses não descartaram a possibilidade.

A Embaixada da China no Cazaquistão alertou na quinta-feira (09) os cidadãos chineses que vivem no país de uma pneumonia local de fonte desconhecida, segundo Global Times. Organizações como o departamento de saúde do Cazaquistão estão estudando o “vírus desta pneumonia”, disse a embaixada chinesa, citando a mídia.

A doença misteriosa teria causado 1.772 mortes nos primeiros seis meses do ano, com 628 somente em junho e incluindo cidadãos chineses no Cazaquistão, informou a embaixada em um comunicado em sua conta WeChat, ainda citando a imprensa local.

+ OMS/Tedros: relaxamento das restrições leva a aumento nos casos da covid-19
+ Covid-19: equipamentos ajudam a esterilizar ambientes e roupas contra o vírus 

Porém o Ministério da Saúde do Cazaquistão refutou nesta sexta-feira relatórios sobre uma pneumonia desconhecida no país.

O ministério também disse em um post publicado no Facebook que o país continua monitorando a pneumonia, de acordo com a classificação da Organização Mundial da Saúde. Além disso, o ministro da Saúde do Cazaquistão, Alexey Tsoy, informou à imprensa na quinta-feira que existem pneumonia bacteriana, fúngica, viral e “não especificada” no país, afirmando que prova que os relatos da mídia chinesa são falsos.

Segundo o Global Times, o embaixador da China no Cazaquistão, Zhang Xiao, conversou por telefone com Tsoy após todas essas notícias e falaram sobre parceria estratégica abrangente e permanente no combate ao coronavírus.

 

Veja também

+ Bolsonaro posta foto com filha e rebate crítica: “Já tomou Caracu hoje?”

+ Faça em casa receita de pudim com milho e leite condensado

+ Ex-capa da Playboy é presa acusada de tráfico de drogas em rede de prostituição

+ Com bumbum à mostra, Ivy Moraes filosofa no Instagram

+ Saiba por que as farmacêuticas vêm testar vacinas no Brasil

+ Namorada de Marco Verratti exibe fotos sensuais

+ Lívia Andrade posa de fio dental

+ Auxílio emergencial: Caixa credita hoje parcela para nascidos em janeiro

+ Google permite ver animais em 3D com realidade aumentada

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?