Economia

CDS do País vai a 101 pontos, mas alta perde fôlego e taxas recuam para 98 pontos

O Credit Default Swap (CDS) do Brasil, um termômetro do risco-país, é negociado em 98,50 pontoS na tarde desta sexta-feira, 3, praticamente estável em relação a ontem, de acordo com cotações da IHS Markit.

Mais cedo, as taxas chegaram a bater em 101 pontos, por conta do ambiente de maior aversão ao risco no mercado financeiro internacional, por causa da escalada da tensão entre Irã e Estados Unidos, após o ataque da Casa Branca que matou o comandante da Guarda Revolucionária do Irã, Qassim Suleimani. Ontem à noite, o CDS estava em 97,41 pontos.

Veja também

+ Funcionário do Burger King é morto por causa de demora em pedido

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020

+ Bolsonaro veta indenização a profissionais de saúde incapacitados pela covid-19

+ Nascidos em maio recebem a 4ª parcela do auxílio na quarta-feira (05)

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

Tópicos

Brasil CDS