Economia

CCJ suspende reunião sem votar cronograma da reforma administrativa

Sem acordo e tempo hábil, a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) suspendeu os trabalhos na manhã desta quinta-feira, 22, sem avançar com a reforma administrativa. O relator da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) no colegiado, deputado Darci de Matos (PSD-SC), pretendia votar nesta manhã o cronograma para a realização de audiências sobre o tema.

Como o Broadcast Político (sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado) antecipou na quarta-feira, esse cronograma começa com uma audiência na próxima segunda-feira, 26, com o ministro da Economia, Paulo Guedes, e a presença do presidente da Casa, deputado Arthur Lira (Progressistas-AL). Já para quinta-feira, 29, estavam previstas as participações dos economistas Paulo Uebel e Gustavo Franco.

No entanto, é preciso ter a aprovação da comissão para que esse calendário seja realizado. A sessão desta quinta foi aberta poucos minutos antes das 11 horas, mas teve de ser suspensa às 11h25 devido ao início dos trabalhos no plenário na Câmara. A reunião pode ainda ser retomada após o encerramento do plenário.

O relator afirmou também ao Broadcast Político que avalia a possibilidade de fixar uma regra diferente para essas carreiras em substituição ao chamado vínculo de experiência, período em que o servidor concursado tem que passar antes de assumir efetivamente o cargo e garantia a estabilidade.

Veja também

+ Carreira da Década - Veja como ingressar na carreira que faltam profissionais, mas sobram vagas
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel