Entrevista

“As empresas e a sociedade não toleram mais discriminação”

O IGP-M não deveria mais ser referência para reajuste de contratos

Seja qual for o ambiente, os investimentos chineses deverão continuar no Brasil

Mesmo sem o auxílio, a renda vai retornar em 2021

Executivo da gigante do setor de pagamentos eletrônicos aposta na continuidade do aumento das transações feitas por meios digitais, tendência acelerada no Brasil durante a pandemia.

A biodiversidade é o grande ativo do Brasil

Filho do bilionário Abílio Diniz, o ex-piloto de Fórmula 1 frequentava com naturalidade o jet set internacional. Até resolver se dedicar à produção de alimentos orgânicos no interior de São Paulo.

Na crise, plano de saúde virou objeto de desejo

Prestes a completar 125 anos, a seguradora vende por R$ 3,2 bilhões sua carteira de autos para ampliar e melhorar seus negócios nas áreas de proteção e cuidados pessoais.

O Brasil não tem de tomar partido na tensão entre Estados Unidos e China

Charmain da Câmara Americana de Comércio no Brasil defende que o País mantenha neutralidade no conflito diplomático entre EUA e China para não afetar relação comercial com os dois principais parceiros.

O País não aguenta mais o oportunista do mal, a corrupção, a sacanagem

Fundador e CEO da grife Reserva, Rony Meisler defende iniciativas empresariais que visam, além de receita, retorno socioambiental e ético para a sociedade.

Na questão ambiental, não podemos mais ficar esperando

Segunda maior empresa global de alimentos, a JBS prefere agir a reclamar do governo federal pela ausência de políticas públicas ambientais.

O Brasil é campeão em impostos sobre medicamentos — e isso vai piorar com a reforma tributária

O dirigente da entidade que reúne as farmácias e drogarias diz que o governo esqueceu de incluiu remédios na proposta de desoneração enviada ao Congresso. Eles poderão ficar mais caros e até sumir das prateleiras.

O desafio da saúde é ter o paciente em primeiro lugar. O resultado virá

Maior empresa de medicina diagnóstica da América Latina fecha o semestre com receita de R$ 2,9 bilhões — alta de 29,7%, O resultado foi puxado, em parte, pela
incorporação da rede Ímpar de hospitais. O foco, agora, é aumentar a relevância por meio da inovação.

Espero que o governo não abandone a agenda liberal

Queda histórica nos juros e demanda reprimida são as justificativas apontadas pelo executivo para a venda recorde de unidades em plena pandemia.

Mesmo com a queda recorde no PIB, a confiança no Brasil continua

Para o presidente da Câmara Espanhola de Comércio no Brasil, a crise em decorrência da pandemia não afetará a relação entre Brasil e empresas do país europeu, mesmo que seja necessário rever estratégias e diminuir a velocidade dos investimentos.

A diversidade de gênero passou a ser relevante para a empresas

Primeira mulher a liderar o time de análise de uma das empresas do grupo XP Inc, a economista que conquistou mais de 80 mil seguidores no Instagram quer democratizar a informação sobre investimentos ao mesmo tempo em que batalha por maior representação feminina.

O auxílio emergencial para as empresas é o capital de giro

Para o ex-presidente da Caixa e do Banco do Nordeste, reside no capital estrangeiro uma solução de médio prazo para as empresas superarem o caos econômico trazido pela Covid-19.

Sem saúde não existe economia saudável

Defensor da cautela nos estudos da vacina para a Covid-19, o principal executivo do grupo farmacêutico francês no Brasil afirma que não há qualquer evidência sobre a hidroxicloriquina.

Feiras e eventos já poderiam ser retomados com segurança

Setor estima perdas em R$ 200 bilhões e propõe eventos híbridos, com parte presencial e parte virtual, como caminho para reconquistar confiança do público durante o reinício das atividades.

O Brasil faria mais negócios com os países árabes se os conhecesse melhor

No comando de uma entidade que representa 22 nações, o administrador Rubens Hannun conhece como poucos as oportunidades para fortalecer os laços comerciais com o mundo árabe. Para ele, há espaço para elevar em até 70% os negócios com o bloco — hoje o terceiro maior parceiro do Brasil.

A queda do PIB só será recuperada em 2023

Preocupado com o aumento do desemprego e da poupança, o ex-secretário do Tesouro entende que a retomada do crescimento exige controle dos gastos públicos e estabilidade política.

2020 terminará com 15% a 20% menos empresas de serviços do que começou

Um dos líderes da Confederação Nacional dos Serviços mensura os impactos da Covid-19 no e reforça a importância da desoneração da folha de pagamento para todos os empresários do segmento.

Precisamos criar um capitalismo mais inclusivo

Para o executivo da Ernst &Young, uma das principais consultorias do mundo, líderes precisam fazer as perguntas certas hoje para redefinir suas estratégias de negócios e sobreviver na pós-pandemia.

Por culpa do governo, o Brasil será um dos últimos países do mundo a sair da crise

Economista afirma que o enfrentamento da pandemia deixa a desejar e que a capacidade de retomada está em xeque diante dos atuais desafios brasileiros.

Mesmo com sobe e desce, o Brasil é um dos mercados mais promissores do mundo

Na avaliação do executivo, o mercado brasileiro de seguros de vida deve dobrar de tamanho nos próximos anos, na carona da maior educação financeira.