Política

Candidato a deputado bolsonarista invade evento de Lula; veja o vídeo

Crédito: Reprodução/ Youtube/ TV PT

De acordo com jornalista, apoiador de Bolsonaro foi retirado rapidamente (Crédito: Reprodução/ Youtube/ TV PT)



O candidato a deputado pelo Republicanos Caíque Mafra invadiu nesta terça-feira (21) um evento da pré-campanha de Lula em São Paulo. As informações são do jornalista Guilherme Amado, do Portal Metropoles.  

Ele entrou no local se dirigindo ao candidato a vice-presidente Geraldo Alckmin dizendo “vai voltar à cena do crime, Alckmin?”. Ele se dirigiu à mesa onde os líderes partidários estavam, mas acabou sendo retirado pelos seguranças. Ninguém ficou ferido. 

+Classes B, C, D e E têm menos acesso a computadores desde a pandemia

Diante do episódio, o presidente da Fundação Perseu Abramo, vinculada ao PT, Aloizio Mercadante, que coordena os trabalhos de formulação do programa de governo, afirmou que as “provocações” de bolsonaristas seriam respondidas nas urnas.




Segurança

De acordo com a coluna, o PT vem se preocupando bastante com a segurança de Lula durante os eventos da campanha. Seus seguranças andam sempre com submetralhadoras e o ex-presidente só entra em locais fechados que tenham detectores de metais. 

Na semana passada a jornalista Thais Oyama, do UOL, noticiou que o deputado federal Cabo Roberto, do PL de Alagoas, vazou informações sobre a estadia de Lula no estado.  

Eduardo Suplicy

A infiltração de um apoiador de Bolsonaro não foi o único episódio a tumultuar o evento petista. Antes do discurso de Lula, o vereador pela cidade de São Paulo e ex-senador Eduardo Suplicy interrompeu aos gritos uma fala de Mercadante, reclamando que não havia sido convidado para a reunião e que a proposta de criação de uma renda básica de cidadania –historicamente defendida por ele– não fora incluída nas diretrizes.


Logo na sequência, no entanto, Mercadante foi aparentemente alertado por uma assessora que a ideia da renda básica constava do documento anunciado, e passou então a rebater o colega. “Você poderia olhar com mais cuidado, porque está citado no item 20”, disse antes de ler o trecho do documento.






Tópicos

agressões verbais e ameaças aos ministros da Corte Alckmin Alexandre de Moraes bolsonarista Bolsonaro Caíque Mafra Câmara campanha eleitoral Campanha Lula 2022 celso de mello e marco aurélio mello são parentes chapa lula alckmin Confusão campanha Lula confusão Lula Conselho de Ética da Câmara Daniel Silveira daniel silveira altura Daniel SIlveira deputado daniel silveira é casado? daniel silveira e esposa daniel silveira esposa e filhos daniel silveira hoje daniel silveira instagram daniel silveira livre daniel silveira marielle daniel silveira notícias de hoje Daniel SIlveira quem é? daniel silveira tornozeleira Daniel SIlveira tornozeleira eletrônica daniel silveira twitter daniel silveira wikipédia DANIEL SILVEIRA/STF DANIEL SILVEIRA/STF/PF/TORNOZELEIRA decisão judicial eleições eleições 2022 eleições presidenciais ex-ministro do STF festa Forças Armadas Lula lula alckmin marco aurélio filósofo marco aurélio frases Marco Aurélio Mello marco aurélio mello aposentadoria marco aurélio mello religiao marco aurélio mendes de farias mello marco aurélio simon marco aurélio stf medidas antidemocráticas mello critica bolsonaro mello critica lula Ministério Público ministro do stf Onde anda Marco Aurélio Mello? Onde nasceu Marco Aurélio de Melo? Petrópolis PF polarização Procuradoria-Geral da República PSL do Rio de Janeiro Quem indicou os ministros do Supremo Tribunal Federal? São Paulo segurança STF tornozeleira tornozeleira eletrônica violação violação de decisão judicial violência