Economia

Camex prorroga antidumping sobre resina de PP importada de África do Sul e Índia

O Comitê Executivo de Gestão da Câmara de Comércio Exterior (Camex) prorrogou a aplicação do direito antidumping definitivo às importações brasileiras de resina de polipropileno (PP) originárias da República da África do Sul e da República da Índia. A medida será aplicada por um prazo de até cinco anos.

A decisão está publicada no Diário Oficial da União (DOU).

O texto detalha os motivos que levaram à renovação da medida de proteção comercial e as alíquotas que serão cobradas das empresas: África do Sul Grupo Sasol com taxa de 4,6%; África do Sul demais empresas, 16%; Índia Reliance Industries Limited, 6,4%; e Índia demais empresas 9,9%.

A íntegra da resolução pode ser conferida no seguinte endereço na internet: https://pesquisa.in.gov.br/imprensa/jsp/visualiza/index.jsp?data=28/12/2020&jornal=515&pagina=23&totalArquivos=533



Veja também

+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel