Negócios

Caixa Seguridade, Cury e Ambipar protocolam ofertas de ações na CVM

Crédito: Divulgação

Caixa Econômica Federal (Crédito: Divulgação)


Nesta sexta-feira, 21, três empresas protocolaram na Comissão de Valores Mobiliários (CVM) seus prospectos preliminares para realização de oferta pública de ações. Destaque para a Caixa Seguridade, cujo movimento foi antecipado pelo Broadcast, sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado, ontem, e que tem uma oferta estimada em R$ 15 bilhões.

A Caixa Seguridade informou em Fato Relevante o protocolo de sua oferta, além da listagem no segmento Novo Mercado da B3.

+ Ibovespa fecha em baixa aos 113 mil pontos com cautela de investidores 

Segundo apurou o Broadcast, a ideia da Caixa Econômica Federal é fazer um período de roadshow, reunião com investidores no jargão do mercado, extenso para conseguir emplacar um bom valor para a companhia. Assim, a precificação do IPO ficaria apenas para abril.

A construtora Cury também protocolou seu IPO na CVM hoje. Será uma oferta primária e secundária, e a operação foi antecipada pela Coluna do Broadcast.

A Ambipar, empresa que trabalha na gestão ambiental para empresas, inclusive cuidando da emissão de resíduos e logística, foi outra que protocolou hoje uma oferta primária e secundária de ações ON. A empresa afirma em seu prospecto que pretende investir em 37 novas bases operacionais no Brasil nos próximos três anos.