Geral

Caesb recupera R$ 39 milhões após informatização de pagamentos

A Companhia de Saneamento Ambiental do Distrito Federal (Caesb) recuperou R$ 39 milhões após oferecer a possibilidade de pagamentos das contas de água e esgoto pela internet ou por telefone, e retomou serviços de fornecimento água que estavam suspensos, por falta de pagamento.

O objetivo da medida, de acordo com a empresa, é reduzir a inadimplência, em especial das faturas de baixo valor. Atualmente, mais de 2 milhões de contas de até R$ 500 estão em aberto. Essas contas equivalem a 96% de todas as faturas não quitadas junto à companhia.

O cliente que deve algum valor à Caesb pode negociar as contas em aberto pelo site www.caesb.df.gov.br, via autoatendimento ou pela Agência Virtual, opção conta em aberto, ou ainda pela Central de Atendimento, no telefone 115. A Caesb informou que está também enviando boletos para esses clientes.

Os consumidores podem ainda ir até um dos 13 escritórios ou nos cinco postos Na Hora. A empresa lembra, no entanto, que os escritórios regionais não recebem pagamento de contas. Para o parcelamento de débitos, o consumidor deve levar cópia e original dos documentos pessoais e dos documentos de propriedade ou posse do imóvel.

Após a quitação dos débitos, caso o fornecimento de água esteja suspenso, o prazo é de 16 horas úteis para religação no ramal predial de água e de 10 horas úteis para as demais. A Caesb precisa ter acesso ao hidrômetro ou ramal predial de água para a religação. Na hora do religamento, a Caesb orienta os consumidores a certificarem-se de que todas as torneiras do imóvel estejam fechadas para que não haja desperdício no retorno da água.