Giro

BYD vai iniciar vendas no Brasil do sedã elétrico Han EV no segundo semestre

Crédito: Divulgação

O sedã elétrico Han EV é o próximo lançamento da BYD no Brasil (Crédito: Divulgação)

A BYD Brasil confirmou seu segundo lançamento para o mercado nacional. Após apresentar o SUV elétrico Tan EV, a marca chinesa marcou para o próximo mês a apresentação do também elétrico sedã Han EV e o início de suas vendas a partir do segundo semestre.

O sedã elétrico Han EV foi lançado em julho de 2020 na China, e desde então já acumula mais de 170 mil unidades em todo o mundo.



+ Dólar cai mais de 1% ante real com negociações Rússia-Ucrânia aliviando sentimento global

SUV desembarca no país

As primeiras unidades do SUV Tan EV chegaram ao Brasil na semana passada pelo porto de Vilha Velha (ES). O modelo está em exposição no Shopping JK Iguatemi em São Paulo, com o atendimento e vendas no local sob a responsabilidade do grupo Eurobike.

+ Confira 10 receitas para reaproveitar ou turbinar o arroz do dia a dia


BYD
As primeiras unidades do SUV Tan EV desembarcam no porto de Vila Velha (Crédito:Divulgação)

Novas concessionárias

A Eurobike deve inaugurar em breve sua primeira concessionária com a BYD na cidade de São Paulo, com outras duas lojas previstas para o grupo nas cidades de Ribeirão Preto (SP) e Brasília (DF) no segundo semestre.


A marca chinesa nomeou o grupo Águia Branca para os estados de Minas Gerais e Espírito Santo, prevendo concessionárias nas cidades mineiras de Belo Horizonte, Uberlândia, Juiz de Fora; e nas capixabas Vitória e Vila Velha.

O grupo Servopa representará a marca BYD em Curitiba, com inauguração prevista para junho. Além da capital paranaense, a empresa estará presente também nas cidades de Londrina e Maringá (PR). Para Porto Alegre, foi nomeado o grupo IESA, que também atuará nas cidades de Caxias do Sul e Passo Fundo (RS).

Mais lançamentos

A BYD ainda prevê o lançamento de dois modelos para o Brasil em 2022. Trata-se do sedã Qin Plus DM-i e o SUV Song Plus DM-i. O primeiro vendeu 25.500 unidades somente em janeiro de 2022 e conquistou a quinta colocação entre todos os sedãs vendidos no primeiro mês no mercado chinês.

Ambos trazem a tecnologia Super Hybrid DM-i, que oferece dois motores, híbrido e à combustão. Isso faz com que o consumo de combustível seja um dos destaques do veículo. Os modelos são híbridos do tipo plug-in, que podem ser recarregados em tomadas residenciais.